Resenha: Entre quatro paredes - B.A. Paris

em 31 de outubro de 2019
Entre quatro paredes
Autor(a): B.A.Paris
Tradutor(a): Roberto Muggiati


Editora: Record
Págs: 266

Sinopse




Um thriller sobre um sonho que torna-se pesadelo Grace é a esposa perfeita. Ela abriu mão do emprego para se dedicar ao marido e à casa. Agora prepara jantares maravilhosos, cuida do jardim, costura e pinta quadros fantásticos. Grace mal tem tempo de sentir falta de sua antiga vida. Ela é casada com Jack, o marido perfeito. Ele é um advogado especializado em casos de mulheres vítimas de violência e nunca perdeu uma ação no tribunal. Rico, charmoso e bonito, todos se perguntavam por que havia demorado tanto a se casar. Os dois formam um casal perfeito. Eles estão sempre juntos. Grace não comparece a um almoço sem que Jack a acompanhe. Também não tem celular, que ela diz ser uma perda de tempo. E seu e-mail é compartilhado com Jack, afinal, os dois não guardam segredos um do outro. Parece ser o casamento perfeito. Mas por que Grace não abre a porta quando a campainha toca e não atende o telefone de casa? E por que há grades na janela do seu quarto?

Às vezes o casamento perfeito é a mentira perfeita.


Resenha



Faz um tempo que tinha recebido este livro do Grupo Editorial Record, mas não tinha chance de lê-lo. Eu acredito que são os livros que nos escolhem, portanto, aguardei o momento certo e acho que fiz certo, pois que leitura meus amigos!


Uma leitura agonizante e sufocante que não conseguimos deixar até sabermos o final do capítulo pelo menos e fazia tempo que um livro não me prendia assim.


Grace é uma jovem que tem uma irmã com síndrome de Down, que é sua prioridade na vida. Seus pais praticamente deixaram a menina num colégio interno e mal a visitam, então, Grace praticamente é sua única irmã e quem realmente se importa com ela.


Como todas as mulheres já um pouco vividas, Grace não espera encontrar um príncipe encantado, na verdade nem está a procura, mas o destino a faz conhecer Jack, que a conquista aos poucos e se mostra um verdadeiro cavalheiro em todos os sentidos, e o que a faz se apaixonar de verdade foi o fato dele demonstrar carinho e responsabilidade pela sua irmã mais nova, que precisa de cuidados especiais.


Enfim, Grace se entrega a esse romance, casam-se e aí que os problemas começam a surgir, o homem que ela pensou que conhecia se mostra totalmente diferente. Já na lua de mel ele demonstra ser frio, distante e por vezes até cruel. A perfeição realmente não existe e nossa protagonista prova o gosto disso amargamente...


O livro intercala entre presente e passado, o que torna a leitura mais ágil.


Não posso contar mais detalhes senão entregaria toda a história, mas é um thriller realmente chocante, e neste mês de outubro é perfeito para curtir o Halloween.



Boa leitura!



4 comentários

  1. Oi, tudo bem? Me parece ser uma leitura bastante atrativa não é mesmo! Ótima resenha, gostei da indicação, abraço!


    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Eu vejo muitas resenhas positivas desse livro, mas no momento não ando na vibe
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  3. Oi Mila, tudo bem?
    Faz eras que esse livro tá na minha wishlist.
    A temática me atrai muito e adoro thrillers. Espero poder ler em breve!
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  4. Thrillers sempre me deixam a flor da pele, já conhecia o livro, mas nunca li.

    Beijos

    Imersão Literária

    ResponderExcluir

Ola!
Agradeço pelo comentário!
Beijinhos Carinhosos!