Resenha: Pompeia - Mary Beard

em 2 de novembro de 2016


Pompeia: A Vida de uma Cidade Romana

Autor(a): Mary Beard
Tradução: Cristina Cavalcanti
Páginas: 420
Editora: Record



Durante muito tempo, Pompeia foi uma próspera cidade do Império Romano, até ser devastada, em 79 d.C., por uma das maiores erupções do Vesúvio de que se tem notícia. Ao longo dos anos que se seguiram, e ainda hoje, questões sobre seus habitantes e o estilo de vida que levavam até o fatídico dia em que a cidade sucumbiu à fúria do vulcão povoam a mente de estudiosos e leigos. Este poderia ser apenas mais um livro sobre os principais achados arqueológicos do local e, ainda assim, certamente despertaria o interesse de muitos. No entanto, aqui, a especialista em classicismo Mary Beard vai além das questões mais corriqueiras, aprofunda-se em detalhes muitas vezes negligenciados, questiona posições já consagradas por arqueólogos de diversas épocas e desmistifica inúmeros fatos relacionados ao cotidiano daquela população. Com centenas de ilustrações, mapas, plantas baixas e fotografias, este livro conduz o leitor a um mergulho no dia a dia da cidade, em uma viagem pelas ruas e casas desta cidade romana.



Resenha


O livro que reúne tudo o que é preciso para que o leitor se sinta guiado ao longo de uma viagem pelas ruas e casas da verdadeira Pompeia.

“Pompeia- a vida de uma cidade romana” inspirou a série “Pompeii: News Secrets Revealed with Mary Beard”, exibida no início deste ano pelo canal BBC One.

Quando eu era adolescente, tinha o hábito de ir as videolocadoras para alugar documentários para ver em casa com minha mãe e irmãos, aliás, meus pais adoram documentários e filmes clássicos, por incentivo deles que nós, seus filhos e netos também gostamos. Hábitos se adquirem no seio da família, e isso tentei passar ao meu filho, espero, com algum sucesso. Pois bem, nessa época, adorávamos ver histórias de povos reais, do passado, e sobre a cidade de Pompeia éramos o que mais gostávamos de ver, aluguei todos os filmes que encontrava sobre o que aconteceu nesta mítica cidade de Roma. Imaginar aquelas pessoas, o desespero ao ver as lavas do vulcão destruindo suas casas, suas vidas, e séculos depois termos ainda a cidade com essa memória viva, pois os corpos ainda estão lá, petrificados, da maneira como morreram e isso é muito triste.

Inclusive tem um filme bem legal e recente, de mesmo nome, e que nada tem a ver com este livro, mas conta os dias finais da cidade antes que o vulcão Vesúvio em 79 d.C devastasse com a população.


“Sob a montanha de pedras-pomes, foram descobertos aproximadamente quatrocentos corpos e quase setecentos nos restos sólidos do fluxo piroclástico – muitos deles vividamente capturados no instante da morte pela técnica engenhosa, criada no século XIX, que preenche com gesso o espaço deixado pela pele decomposta e as roupas, para revelar as túnicas arregaçadas, os rostos silenciados e as expressões sombrias das vítimas."


A literatura sobre a tragédia e o povo, que vivia a cerca de 20 km de Nápoles, é farta e, em sua maioria, afirma que a cidade foi congelada no meio do caminho. Esta, no entanto, é justamente uma das principais ideias refutadas pela especialista em classicismo Mary Beard no livro “Pompeia, a vida de uma cidade romana”

O mais interessante da obra são as descobertas recentes e bem interessantes, a escritora relembra a fuga dos moradores e os sinais de alerta que o povo teria recebido horas ou dias antes da erupção. Em seguida, Mary Beard percorre as inúmeras descobertas encontradas nas escavações e revela curiosidades, como a possibilidade de alguns dos esqueletos não pertencerem às vítimas do vulcão, mas serem de pessoas que se arriscaram a voltar à cidade meses, anos ou séculos depois.

Nesta magnífica obra, a autora nos fornece centenas de ilustrações, mapas, plantas baixas e fotografias, Mary Beard apresenta no livro a vida de Pompeia no mundo antigo propriamente dito e a recriação moderna da antiga cidade.
 



Mary Beard é uma das mais conhecidas classicistas da Grã-Bretanha. É professora da Universidade de Cambridge e editora consultiva de Antiguidade Clássica e História Antiga do The Times Literary Supplement (TLS), além de manter o blog A Don's Life, relacionado ao tema.

Aos amantes de História, como eu, é um deleite, a capa e a edição estão maravilhosas parabéns ao Grupo Editorial Record, por mais uma obra de arte, é mais um livro para minha coleção de preciosidades.


Até a próxima,


23 comentários

  1. Oi Nanda, eu também acho maravilhosos esses livros relacionados à Historia. Li esses dias un bem assim, alem de toda a fantasia, contava também toda a historia de uma cidade. Foi super legal!
    Gostei da dica, dá mesmo pra apreender muita informacao com tais livros.
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Oi, Nanda!
    Eu adoro estudar a Idade Antiga, principalmente quando se trata de Grécia e Roma. Apesar de geralmente esses livros não fazerem meu estilo, eu fiquei bastante interessada em dar uma conferida.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  3. Oi Nanda, Pompeia tem uma história bem interessante e já achei legal a curiosidade que a resenha trás e que está no livro, onde diz que nem todos os esqueletos pertencem as vitimas do vulcão, contudo não sou tão aficionada por história e acho que o livro não iria me prender, mas apesar de não ter o hábito de ver documentários acho que assistir sobre a história de Pompeia iria me conquistar mais do que lendo o livro (o filme eu vi e gostei ;) )

    ResponderExcluir
  4. Sou apaixonada por história! Fiquei encantada com esse livro. Meu professor comentou sobre esse povo que viveu em Pompéia e na época assisti um documentário. Me interesso por tudo que envolve essa época.
    Meu sonho é cursar faculdade de história e ser uma historiadora como a Mary. Muito interessante a hipótese das pessoas mumificadas não serem moradores mas sim pessoas que tiveram esperanças e voltaram para a cidade. Vou pesquisar mais sobre esse livro com certeza! Obrigada pela dica. :)
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Oi Nanda, nós aqui em casa também temos o hábito de assistir documentários desse gênero, filmes e tudo o que trate do assunto. Acho muito interessante e prazeroso, além de ser uma forma de adquirir conhecimento.Primeira vez que me deparo com esse livro e já estou pesquisando preços. Gostei da escolha.
    Beijos
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  6. Queria ter esse ânimo para assistir mais documentários, eu geralmente corro deles, pois são muito lento e muito longos. No entanto, acho que o livro sobre essa cidade romana eu encararia, gosto muito de livros que me trazem um pouco mais de cultura, nem só de ficção vive uma blogueira hahaha. Adorei a postagem.
    Um abraço!

    http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. NANDA!
    Como você sou uma estudiosa, digamos assim, da história do mundo, principalmente de lugares onde a arqueologia é mais evidente e onde se tem uma história diferenciada.
    Saber que o livro, além de todo conhecimento da autora ainda traz ilustrações, mapas, plantas baixas e fotografias, me encantou ainda mais.
    “A missão suprema do homem é saber o que precisa para ser homem.” (Immanuel Kant)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de NOVEMBRO com 3 livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  8. fer que linda resenha... partiu colocar esse livro na minha listinah de desejados... já me deixasse mega tentada... milhões de beijosss :* e boas leituras

    ResponderExcluir
  9. Também sou muito curiosa sobre alguns assuntos históricos, e Pompeia com certeza faz parte desta lista. Gostei muito do livro, dos detalhes, das imagens presentes, realmente deve ser um livro incrível. Gostei muito da dica e da resenha.
    Abraço!
    A Arte de Escrever

    ResponderExcluir
  10. Vou confessar uma coisa....amo livros históricos.
    E ainda mais quando mexe com a Roma Antiga.
    kkkkkkkkkkk
    Amo história e essa com certeza vou ler
    Ameii a resenha, sério mesmo. Tenho esse fetiche por histórias antigas.

    ResponderExcluir
  11. Não costumo ler livros históricos, mas já li um sobre o Brasil e gostei. Talvez eu gostasse de ler esse também. Com certeza o assunto é interessantíssimo, mas não me chamou tanto a atenção. Eu leria se tivesse o livro em casa, mas não é algo que eu iria atrás.

    Abraços :)

    ResponderExcluir
  12. Adoro esse tipo de livro, não é por acaso que sou professora de história néh?!?! Adorei a resenha e suas lembranças de família, tem coisa que precisa ser construído em casa e a escola só fortalece e isso que sua família tem de aprender a gostar de documentários em casa é maravilhoso, uma herança que ninguém pode tirar de vocês.

    Jaci
    O Que Tem Na Nossa Estante

    ResponderExcluir
  13. Não leio muitos livros sobre historia. Normalmente a leitura é sempre um romance histórico, preciso de personagens para criar um vinculo com a leitura. Com tantos livros, filmes e documentários sobre o assunto é realmente interessante o livro trazer descobertas recentes sobre Pompeia.

    ResponderExcluir
  14. Adorei o livro! Ainda mais quando se trata sobre História pois amo estudar essa matéria e as antigas civilizações clássicas me encantam muito =D
    Sobre o livro, achei bem fascinante a autora ir além das histórias contadas por especialista, a riqueza de detalhes e pontos importante para descrever sobre essa cidade maravilhosa é incrível!

    ResponderExcluir
  15. Oi.
    Eu sinceramente não curto esse tipo de livro, principalmente quando conta história e as antigas civilizações, simplesmente fico muito entediada no meio da leitura e nunca funciona para mim, o que é uma pena realmente, mas fico feliz que goste de livros com essa temática.
    Boa Tarde.

    ResponderExcluir
  16. A primeira vez que ouvi falar de Pompeia foi em um episódio de Doctor Who, mas não fiz nenhuma pesquisa para conhecer a história. O livro parece ter um grande material para pessoas que assim como eu não sabe muito sobre esse acontecimento histórico.
    Obrigado pela recomendação.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  17. Apesar de gostar muito de documentários este infelizmente não me chamou atenção ainda mais que fala sobre uma determinada cidade. Que bom que você gostou.

    ResponderExcluir
  18. Nada explica o quanto eu amo históra! Roma e Grécia antiga são uma das matérias mais gostosas de se estudar. Pena que todos os livros sobre história que eu já li foram tediosos. Porém, achei o livro super interessante e ele parece ser daqueles que te deixam totalmente envolvidos até o fim. Quem sabe um dia né? beijoss

    ResponderExcluir
  19. Oi Nanda, eu não curto muito esses livros relacionados à Historia. Li esses dias um bem assim, mas não é um gênero que me atrevo sempre, pra falar a verdade só quando sou meio obrigada, por estudo ou algo do tipo, gostei da dica, dá mesmo pra apreender e quem sabe eu pego o gosto né?

    ResponderExcluir
  20. Oi, Nanda! Eu nunca li livros de História propriamente ditos que não fossem os que utilizei na escola, então pra mim seria uma grande novidade. Me interessei mais foi pelo documentário, é algo mais atrativo pra mim, e realmente a história da cidade é fascinante, por isso preferiria ver por meio de vídeo.

    ResponderExcluir
  21. Nossa, minha pergunta seria justamente se o filme era uma adaptação do livro hahahahahaha
    Nos meus tempos de escola, quando a prof de História informava que a aula seria sobre a Pompeia, meu primeiro pensamento era que um buraco se abrisse pra eu pular dentro. Hoje em dia eu gosto do tema.

    ResponderExcluir
  22. Sempre quis conhecer essa história melhor, mas só fico vendo filme ou coisa do tipo. É uma boa dica de leitura e acho que gostaria de ver todos esses detalhes num livro. Fica uma experiencia melhor pra entender. Ele parece ser bom.

    ResponderExcluir
  23. Gosto demais de livros que envolvem mais a história do mundo e os "grandes acontecimentos" e esse eu ainda não conhecia, mas adorei sua resenha, deu pra ver que ele é bem construído e real, mostrando e incitando o leitor a conhecer mais a história.
    Já quero!
    bjão

    ResponderExcluir

Ola!
Agradeço pelo comentário!
Beijinhos Carinhosos!