Resenha Essa Luz tão Brilhante

em 7 de outubro de 2016
Essa Luz Tão Brilhante
Estelle Laure

ISBN-13: 9788580416015
ISBN-10: 8580416019
Ano: 2016 / Páginas: 208
Idioma: português
Editora: Arqueiro

O pai dela surtou e foi internado. A mãe disse que ia viajar por uns dias e nunca mais voltou. Wren, sua irmãzinha, parece bem, mas já está tendo problemas na escola. Lucille tem só 17 anos, e todos os problemas do mundo. Se não conseguir arrumar um emprego para pagar as contas e fingir para os vizinhos que está tudo em ordem, pode perder a guarda da irmã. Sorte a dela ter Eden, uma amiga tão incrível que se dispõe a matar aulas para ajudá-la. Azar o dela se apaixonar perdidamente justo agora, e justo por Digby, o irmão gêmeo de Eden, que é lindo, ruivo... mas comprometido.
Essa luz tão brilhante é a história de uma garota que descobre uma grande força dentro de si enquanto aprende que a vida e o amor podem ser imprevisíveis, assustadores e maravilhosos – tudo junto e misturado.

Não-ficção / Romance


Resenha


Lucille precisa cuidar da irmã mais nova, além disso tudo, ainda tem que lidar com o fato de que o dinheiro está acabando, a mãe foi embora, o pai está internado e as contas para pagar continuam vindo, a comida está acabando e ela precisa arrumar um emprego ao mesmo tempo que precisa cuidar de sua irmã Wren, parece desesperador e assustador. E realmente é!


"Sabe quando as pessoas falam sobre o choro que às vezes parece um monte de ondas quebrando em cima delas? Eu nunca tinha entendido isso até agora, mas, quando a primeira onda me atinge, parece que estou me segurando. Estou me segurando e lutando contra ela. Meus olhos se enchem d'água e não vou... não vou deixar as lágrimas vencerem."


Eden é sua melhor amiga que tenta ajudar da melhor maneira que pode, além desta ajuda Lu também recebe ajuda de alguns anjos, mas ela não sabe quem anda colocando comida na geladeira, ou quem deixa muffins fresquinhos na porta.

Sobre os personagens, a autora trabalha bem em relação a construção dos personagens sem deixar de lado o drama que Lucille passa, afinal toda a experiência de ter que cuidar da irmã mais nova, trabalhar para manter as contas em dia, estudar e ao mesmo tempo lidar com os sentimentos amorosos com o irmão gêmeo da melhor amiga não é fácil.


"Ele me abraça com muita força antes de sair. Tento me apertar contra ele e, por um louco segundo, fico achando que, se o abraçar com força suficiente, talvez eu de fato me transforme nele, me derreta nele, e nada mais vai fazer diferença. Mas, no fim, eu continuo sendo eu e ele continua sendo ele, e os nossos corpos se separam e a mão dele está na maçaneta, a mochila pendurada em um ombro, a noite no meu rosto.  E então nada."


O livro tem uma narrativa instigante, flui rapidamente e me cativou toda a experiência que Lucille passou, na verdade este livro me ganhou logo nas primeiras páginas. A capa é linda, a editora fez um trabalho de diagramação lindo, muito caprichada com páginas amarelas e agradáveis para a leitura e os capítulos são marcados como dias.





"Explique qual é o objetivo de viver se você não estiver disposta a lutar pelas verdades do seu coração, a correr o risco de se machucar.  Você precisa ter fúria."


Em suma, eu adorei este livro e toda a experiência que ele me proporcionou, foi aquela leitura que enquanto não estava lendo, estava pensando nele, ou seja, adorei a leitura do começo ao fim e recomendo muito a leitura, minha única ressalva é quanto ao desfecho, foi satisfatório, teve uma boa resolução, mas eu queria mais.


Beijos



15 comentários

  1. Que sinopse mais fofo e real. A vida é assim mesmo, imprevisível e cheia de surpresas ne?! Fiquei curiosa ora ler a resenha e saber mais um pouquinho da vida da personagem.
    A capa é linda mesmo, o marcador nem se fala ne ?! Seria uma leitura minha, adorei o tema que trata.
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Oi Mila, quando vi esse lançamento fui conquistada pela capa e achei a sinopse interessante o que me fez inclui-lo nos livros que quero ler, assim tenho ficado de olho nas resenhas dele. Eu gostei dos quotes que você escolheu e já quero acompanhar a história de Lucille e saber como ocorre o desfecho dessa história que parece ser bem tocante. ;)

    ResponderExcluir
  3. Oii Mila

    Eu sou louca pra conferir esse livro, só vejo resenhas ótimas sobre ele e a história parece ser terna e cativante. Essa capa rosa só me deixa ainda mais animada....rsrs

    Beijos

    unbloglitteraire.blogspot.com.ar

    ResponderExcluir
  4. É bom quando um livro te prende logo nas primeiras páginas. E essa história parece ser encantadora pelo jeito. Estou vendo ótimas coisas dele e só dá vontade de ir ler logo. Ele é rápido também, então acho que seria uma leitura bem prazerosa. E se ainda consegue deixar um final de quero mais deve ser legal.

    ResponderExcluir
  5. Oi, Mila!!!
    Eu achei essa capa tão cut *-* e esse marcador? Quando recebi um dele, morri de amores rsrs
    Então, eu não solicitei o livro, quando veio a news teve outros livros que me chamaram mais a atenção, mas confesso que fiquei curiosa para ler. E parece que é uma leitura que pode ser concluída rapidamente, já que os capítulos aparentemente são bem curtos :D
    Adorei a dica!

    Super beijo!
    aculpaedosleitores.com

    ResponderExcluir
  6. Desde que vi a capa do livro já desejei, está muito bem trabalhada, e por ser dessa editora já imaginava que seria cheio de reflexões. Tenho lido livros onde os personagens passam por uma perda e precisam superar, e confesso gostar, principalmente quando um adolescente precisa cuidar do irmão, por isso assim que tiver chance irei ler, mesmo com o desfecho não tão positivo.

    ResponderExcluir
  7. Oi, Mila!
    Menina, eu achava que era autoajuda esse livro hahhaha Mas depois de algumas resenhas, fiquei com muita vontade de conferir essa história.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe da promoção 5 Anos de Além da Contracapa
    Participe da promoção Halloween Literário

    ResponderExcluir
  8. Mila!
    Nem imagino passar por tudo que a protagonista desse livro passou... Deve ter sido bem difícil e doloroso.
    Gostaria de saber como tudo ficou no final...
    “Buscamos, no outro, não a sabedoria do conselho, mas o silêncio da escuta; não a solidez do músculo, mas o colo que acolhe.” (Rubem Alves)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de OUTUBRO com 3 livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  9. Oi, Mila!
    Outro dia assisti algo bem parecido com isso em alguma novela da Globo, mas não me lembro qual (só sei que tinha o Malvino Salvador)... Uma pena que a Lucille tenha que cuidar de tudo isso tão cedo, mas que bom que a leitura em si consegue ser algo prazeroso, e a partir disso presumo que no fim das contas a vida dela vai voltar aos eixos.
    Achei a capa e a diagramação uma fofura só!

    ResponderExcluir
  10. Oi Mila

    Adoro quando o livro prende a atenção logo nas primeiras paginas e quando não sai do pensamento nos intervalos da leitura é melhor ainda. Apesar da historia clichê (um irmão cuidando do outro e pais loucos e/ou desaparecidos) fiquei curiosa para conhecer o desenvolvimento da historia e o desfecho do livro. Pela foto a diagramação parece linda.

    ResponderExcluir
  11. Eu não daria nada por este livro pela capa, quando vi não me interessei agora pela resenha já vou colocar na minha lista infinita, pois parece ser um livro maravilhoso ainda mais que ela narra todas as dificuldades que teve.

    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Confesso que ando um pouco saturada de histórias com adolescentes que comem o pão que o diabo amassou com a bota suja: ou são abandonados pelos pais, ou um dos pais têm uma doença terminal, ou surtam, como o pai de Lucille. Enfim, posso não gostar, mas não posso negar que esses enredos podem ser o início de boas histórias. E eu torço muito pq fico esperando ansiosa pelo final feliz da personagem.

    ResponderExcluir
  13. Oi.
    Ainda não tive a oportunidade de ser esse livro, mas tenho que concordar com você essa cá é perfeita, amei a Premissa da história, nossa personagem é realmente uma guerreira lidar com todas essas resposabilidades na vida real não é nada fácil, enfim irei ler esse livro com toda certeza.
    Boa Tarde.

    ResponderExcluir
  14. Essa parece ser uma leitura muito boa mesmo, a história é bem dramatica e instigante e os quotes que você selecionou são maravilhosos. Já vi algumas outras opiniões positivas sobre e eu adoraria conhecer o livro também.
    Um abraço!

    http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Parece ser um livro bem cativante com personagens fortes e reais. Que sofrem e amam intensamente. Quero demais ler.
    bjs

    ResponderExcluir

Ola!
Agradeço pelo comentário!
Beijinhos Carinhosos!