Resenha: Amor de Cordel - Andrea Marques

em 24 de junho de 2016
Amor de Cordel
Autor(a): Andrea Marques
Editora: Pandorga
Págs: 400




Aos 38 anos de idade, Carolina Borges achava que tinha a vida perfeita. Casada com Miguel, era feliz mesmo sem ter realizado o sonho da maternidade. No entanto, a convivência com o marido e seu bom desempenho profissional a deixavam satisfeita e segura.
O destino lhe prega uma peça e, sem esperar, ela vê sua vida se modificar significativamente. Seu casamento chega ao fim, e sua carreira como terapeuta ocupacional, que sempre lhe proporcionou alegrias, passa a torturá-la. Isso acontece quando o jovem arquiteto Alexandre Bastos entra em seu consultório pela primeira vez, despertando em Carol sentimentos conflituosos que a farão repensar seus valores e a obrigarão a sair de sua zona de conforto para se arriscar em terrenos desconhecidos que poderão colocar em risco sua própria vida.
Permeado por traições e intrigas, Amor de cordel é um romance contemporâneo que traz à tona assuntos do universo feminino, além de despertar a paixão até nas mulheres mais modernas e independentes.


Resenha


Com muito prazer recebi este livro através da parceria com a Lilian Comunica, este ótimo lançamento da Editora Pandorga, com uma capa belíssima que logo me conquistou.


Achei a diagramação super bem feita, é um livro de 400 páginas com a fonte pequena, e isso sim, me incomoda, acho meio cansativo, porém se a história flui, eu consigo terminar a leitura em uma semana.



Nossa protagonista chama-se Carolina Borges, terapeuta ocupacional que separou-se do marido, Miguel, após quatorze anos de união estável, o que a deixou muito deprimida encontrando refúgio em sua família.

Um dia, trabalhando em seu consultório, recebe um cliente que a encantou, o arquiteto Alexandre Bastos, que tinha machucado seu punho e precisava de tratamento. Para sua surpresa, percebeu que seu coração ainda se apaixonava, e que ela no fundo tinha esperanças e sonhos de encontrar um grande amor. Mas nem tudo são flores, então passa por momentos de dúvidas por ter medo do que pode acontecer devido ao relacionamento fracassado anterior e ao fato do arquiteto ser mais novo que ela. Aliás me identifiquei com essa história que pelo visto é tão comum hoje em dia, eu já me relacionei com homens mais novos e sofri na pele muito preconceito por parte da sociedade, e hoje todas as mulheres que me atiraram pedras, namoram ou estão casadas com homens mais jovens.



Achei a leitura dinâmica, com uma história bem realista, como até eu passei pelo mesmo da protagonista, e acredito que várias mulheres se identificarão. É uma obra que merece ser mais conhecida, a autora tece uma teia bem legal entre as personagens e gosto bastante de ler sobre a discussão de preconceitos, quebra de regras entre outros assuntos polêmicos que sim, devem ser mais debatidos.






Este chic lit foi uma boa surpresa, que vai agradar aos fãs do gênero por ter uma heroína moderna e que vai a luta, dá a volta por cima e se recusa a ficar se lamentando pelo que não deu certo e sim, corre atrás dos seus sonhos e do que acredita.


Espero que tenham gostado, até a próxima,




18 comentários

  1. Oi,
    Achei a capa bem interessante e a estória também, mas letras pequenas me incomodam e muito, pois também fica cansativo pra mim e acabo caindo em um sono profuuuundo, rs.

    ResponderExcluir
  2. Oie,
    achei a capa linda e cheia de cores, mas a história em si não me chamou tanta atenção.

    bjos
    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi Nanda,
    Sobre a capa, eu não achei tão interessante, já tinha visto, mas até ler uma resenha, essa história tinha me passado batida rs. Mas depois de ler resenhas sobre ele, a sua é a segunda, percebo que esse deve ser um livro interessante, tem um tema bem atual e que merece ser lido ;)

    ResponderExcluir
  4. Oi Nanda, já gostei do livro sem mesmo não tendo lido ainda. Isso de livros com fonte pequena me desagrada também, mas como estou em um projeto de ler As Crônicas de Gelo e Fogo, estou me acostumando porque as letras são miúdas. Achei legal a proposta do livro em abordar um tema assim.
    Beijos
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  5. Ainnn me apaixonei pela capa....


    E sua resenha me deixou bastante curiosa a respeito dos temas abordados no livro. Gostei.

    xoxo
    Mila F.
    @camila_marcia
    www.delivroemlivro.com.br

    ResponderExcluir
  6. Olha, que tema interessante!
    A sociedade adora julgar né? detesto esse tipo de coisa, cada um tem que ser livre e ponto! u.u

    ResponderExcluir
  7. Oi, Nanda!
    Amei essa capa! Achei super diferente.
    Eu leria o livro, apesar da fonte ser pequena.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe da promoção de aniversário do blog Crônica sem Eira

    ResponderExcluir
  8. essa capa está linda né? e pelas foto a diagramação tb está bem feita
    eu não sou fã de chick-lit; mas se a heroina vai a luta já ganha pontos comigo, sem falar q trabalha preconceitos
    pensar aqui
    bjs

    ResponderExcluir
  9. Oi Nanda!!

    É muito bom quando a gente encontra protagonistas realistas e que a gente se identifique! A premissa do livro é muito boa e a capa é belíssima!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  10. Olá, Nanda.
    Essa capa chama muito a atenção e eu já tinha visto ela antes. Mas não sabia o gênero do livro, achei que era algo completamente diferente hehe. Me interessei pela história e leria. Gosto de livros que mostrem que a mulher tem que correr atras sim e não ficar se lamentando esperando as coisas mudarem.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  11. Também acho cansativo livros de fonte pequeno, assim temos que fazer um maior esforço visual para ler e cansa, o enredo é super comum, uma mulher muitas vezes é mesmo julgada por namorar alguém com a idade muito diferente, o que na minha opinião não é de interesse publico e sim só só casal, irei ler o livro principalmente pela personalidade forte da personagem

    ResponderExcluir
  12. Gostei dele por parecer tão adulto, real...Ele parece aquele tipo de livro que você "vê acontecendo" e isso foi o que de mais interessante teve pra mim. Só não sei é se leria agora, porque não estou pegando muitos assim, estou mais em clima de fantasia e histórico. Mas fica a dica, parece um bom livro.

    ResponderExcluir
  13. É uma história que me chamou a atenção logo que vi a publicação. À princípio estava gostando, mas muitas coisas me incomodaram: num belo dia, a protagonista chega em casa e seu marido a avisa de que gosta de outra... Oi? Não dava pra ter uma conversa mais sensível ou os tantos anos casados não valeram nem isso?! Aí, saí de algo ruim pra entrar em algo ainda pior: curti muito quando Alexandre entrou na história, mas ele passou a mostrar uma faceta chata, a de ciumento, possessivo e em alguns momentos agia de forma infantil. Acabou a história pra mim.

    ResponderExcluir
  14. Oi.
    Eu amei essa capa, confesso que não comprarei só pela diagramação, não consigo mais ler livros com letra pequena e sinceramente tenho medo dele acabar tornando-se cansativo.
    Mas eu amei a premissa e confesso que a curiosidade está bem grande.
    Boa Noite.

    ResponderExcluir
  15. A capa do livro é realmente linda, mas não diz muito dobre a historia. Pena a fonte utilizada ser pequena, não consigo ler muito assim. Gostei do enredo, gosto de heroínas fortes e determinadas. Horrível este preconceito de idade, a partir do momento que todos os envolvidos são maiores de idade e responsáveis por seus atos, amor é amor.

    ResponderExcluir
  16. Sua resenha está muito boa, eu não conhecia este livro nem a autora, achei bem interessante a história, quem sabe futuramente eu resolva ler.

    ResponderExcluir
  17. Gostei muito da premissa, parece ser um livro lindo, reflexivo e cheio de problemas cmoo a vida, rsrsrs
    Realmente é uma bobeira esse preconceito com idade em relacionamentos, sou contra só a pedofilia, agora quando é adulto não importa a idade, o importante é os sentimentos e o respeito mútuo. Sempre.
    Quero ler Amor de cordel sim.
    bjo grande!
    elvisgatao.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. A capa é mesmo lida, adorei a resenha, fique curiosa para ler esse livro.

    /

    ResponderExcluir

Ola!
Agradeço pelo comentário!
Beijinhos Carinhosos!