Resenha: Redenção: Livro Um Legionella - M.A. Costa

em 31 de março de 2015

Sinopse

Caos, ódio e morte voltam a bater à porta da humanidade. No século XXVI, um grupo racista desenvolve uma super bactéria que mata seletivamente. Caberá a Peter Brose, político jovem, influente e bem intencionado, o desafio de salvar a humanidade de sua autodestruição. Entretanto, sua experiência de vida não o preparou para os fatos deploráveis que se seguirão.
Legionella, primeiro livro da série Redenção, dá o pontapé inicial nesta trilogia de ficção científica com muita ação, suspense e imaginação. Ao mesmo que o mundo idealizado pelo autor tem a plausibilidade como principal característica, os personagens que nele habitam são únicos, e os caminhos que a obra segue são marcados pelo inesperado.
Além de entreter, a obra de M.A. Costa leva o leitor a refletir sobre a essência humana e os caminhos que a humanidade insiste em seguir, apesar de sua privilegiada capacidade de evolução como espécie e de cada um de nós como indivíduo.










Título Original: Redenção - livro um : Legionella
Autor : M.A Costa
Editora Livros Ilimitados
Gênero : Ficção
Número de págs:241
Gosto bastante quando tenho a oportunidade de ler a nova literatura nacional, raros são os que chamam minha atenção e realmente são bons, em minha opinião. Este é o livro de um parceiro do blog, que com muita honra a querida Mila me enviou, mesmo ficção científica não sendo meu gênero favorito, eu acabo apreciando a leitura.

A criatividade do autor é latente, criou uma realidade para daqui a alguns séculos que eu considero muito interessante, neste livro, as pessoas tem uma expectativa de vida em torno de 200 anos,  em meio a evoluções tecnológicas conhecemos Peter Brouse, nosso protagonista norte-americano formado em Psicologia e Investigação Digital e sua esposa Mirtes, médica geneticista. Um dia recebem uma ligação sobre mortes acontecendo em Nairóbi e resolvem ir até lá em busca do que possa estar acontecendo no local.

“A guerra não era contra países, povos, ou raças. Não era de brancos contra negros ou amarelos contra brancos. Não eram ricos contra pobre nem de partido político A contra partido político B. Era de um grupo genético contra o mundo. Era de quem se achava escolhido na loteria genética contra todos nós.

O que fez dessa guerra diferente é que não era uma luta entre países, mas sim entre pessoas diferentes entre si. A guerra era bacteriológica […] uma bactéria que mata seletivamente.”

Um grupo racista e xenofóbico manipula uma bactéria letal, a legionella pneumophila que consegue matar pessoas seletivamente em 24 horas, e Peter se vê envolvido a querer descobrir quem está por trás e tentar resolver essa empreitada.
O livro é narrado como sendo uma espécie de diário ou livro de memórias, onde o autor descreve com muitos detalhes sobre como tudo evoluiu tanto no cenário geopolítico quando na medicina, conta por diversas vezes sobre fatos históricos e até sobre autores e livros clássicos.

Este é o primeiro livro de uma trilogia, achei a diagramação impecável, as páginas internas abrindo os capítulos são lindas e bem feitas, parabéns para a editora pela qualidade de todo o livro desde as páginas até os detalhes.
Único problema foi quanto a revisão, que tem vários erros, mas não compromete a leitura da obra, acredito que nos próximos volumes esse detalhe será melhor solucionado, no geral está muito bom.

A proposta deste livro é muito interessante e guerras biológicas não são meras especulações ficcionais, são reais e muita coisa nesta história pode realmente acontecer, recomendo aos fãs do gênero, pois vão se deliciar.


Sobre o autor




Redenção – livro um: Legionella, é livro de M.A.Costa, um apaixonado pelos gêneros ficção científica e terror.
Desde sua adolescência seus heróis e modelos de comportamento e pensamento têm sido escritores - aqueles que são idealizadores de universos paralelos, visionários de futuros próximos e distantes, transformadores do impossível em plausível.
M.A.Costa é frequentador da escola de H.G.Wells, Isaac Asimov, Arthur Clarke e Stephen King apenas para citar alguns. Na série Redenção, o autor dá asas à sua imaginação mais “doentia”, ao escrever de forma cuidadosa e moderna, uma história recheada de suspense e ação, que prevê um futuro que reflete ao mesmo tempo o que há de pior e o mais nobre na natureza humana.
Página do Facebook: Redenção - Livro Um


Até a próxima,






TAG: Confissões de um bibliófilo

em 30 de março de 2015

Pessoal lindo, tudo bem? Navegando pela net descubro sempre novos blogs para ler e seguir e num desses, o Palavrear-se encontrei esta TAG e resolvi compartilhar com vocês minhas respostas, espero que gostem:




Perguntas:



1. Qual é o gênero de literatura que você se mantém longe?

Auto ajuda e livros religiosos, até leio de vez em quando, porém prefiro distância.

2. Qual é o livro que você tem na estante e tem vergonha de não ter lido?

Com toda certeza os da Isabel Allende, porém neste mês começarei um sem falta...

3. Qual é o seu pior hábito enquanto leitora?


Meu pior hábito é demorar para engrenar numa outra leitura quando um livro termina, na verdade fico com o livro anterior um tempo na cabeça.

4. Você costuma ler a sinopse antes de ler o livro? 


Não me prendo a sinopses nem a capas, na verdade gosto de ler críticas especializadas ou até o título é algo que me atrai.

5. Qual é o livro mais caro da sua estante?


O mais caro é um de capa dura da Marylin Monroe: Fragmentos da editora Tordesilhas.

6. Você compra livros usados/em sebo?


Já comprei mas evito, aqui na minha cidade são preços de livros novos, sebo somente no nome e para comprar a preço de banana a quem vai vender, pq a revenda deles é absurdamente cara, então prefiro comprar em sites ou livrarias.

7. Qual é a sua livraria (física) preferida?


Aqui na minha cidade a melhor é a Curitiba, mas todas tem seus encantos e sou sempre bem atendida.

8. Qual é a sua livraria online preferida?


Extra, pq sempre entregam no prazo e nunca tive problemas, na verdade nunca tive problemas com nenhuma livraria online, mas o Extra além de ter promoções ótimas, muitas vezes os preços estão com frete grátis, o que é ótimo!

9. Você tem um orçamento (mensal) para comprar livros?


Não, compro quando vejo algo interessante e tenho dinheiro pra isso.

10. Quem você “tagueia”?


Quem quiser compartilhar a TAG seja bem vindo, só não esqueça de postar o link do blog.


Até a próxima,




Resenha Sangue Mágico | Ilona Andrews |

em 27 de março de 2015


Kate Daniels # 01
Ilona Andrews

Sangue Mágico - Se não fosse pela magia, Atlanta seria uma boa cidade para viver. No momento em que a magia domina, os carros param e as armas falham. 

Quando a tecnologia assume, os feitiços de proteção já não protegem sua casa dos monstros. Aqui, os arranha-céus são derrubados pelo ataque da magia; homens-lobo e homens-hiena rondam as ruas arruinadas; e os Mestres dos Mortos, necromantes impulsionados pela fome de poder, comandam vampiros com suas mentes.

Neste mundo, vive Kate Daniels. Kate gosta um pouco demais de usar a sua espada e tem dificuldade de ficar calada. A magia em seu sangue a torna um alvo, e ela passa a maior parte da vida se escondendo no meio da multidão. 

Mas quando o guardião de Kate é assassinado, ela deve optar entre não fazer nada e manter-se segura… ou perseguir o assassino sobrenatural. Esconder-se é fácil, mas a escolha certa nunca o é...





Kate Daniels # 01
Ilona Andrews

Preço: R$ 27,12 até R$ 39,90

ISBN-13: 9788567296326
ISBN-10: 8567296323
Ano: 2015 / Páginas: 256
Idioma: português 
Editora: Saída de Emergência Brasil


Kate Daniels vive em Atlanta, se não fosse as flutuações de magia e perda de energia a cidade poderia ser perfeita para se morar.

Neste mundo não só vivem os humanos como também feiticeiros, metamorfos, necromantes e outros mais.

O que acontece na cidade é que as ondas de magia fazem com que a energia não tenha espaço e vice versa, porque quando tem energia a magia perde o efeito, dificultando por exemplo um feitiço de proteção dentro de uma casa. E é neste cenário que Kate vive.

Kate tem um arsenal de armas pois é uma mercenária, ela vive só em uma casa pequena e em um desses dias que a magia perde espaço um vampiro invade sua casa, sua missão era instigar Kate sobre o paradeiro de Greg, seu guardião.

Ela acaba descobrindo que ele foi assassinado e ela não vai sossegar enquanto não descobrir quem o matou, para isso ela tem que voltar a Ordem dos Cavaleiros da Ajuda Misericordiosa, ela não estava feliz pois prefere trabalhar por conta própria, só que nestas circunstancias trabalhar para a Ordem pode oferecer muitos benefícios e muitas portas abertas.

Kate é muito boa na investigação e aos poucos ela vai desvendando todo o mistério, neste caminho tortuoso Kate encontra aliados, como o Senhor das Feras e toda sua matilha, mais também encontra um verdadeiro inimigo.

"Se nós lutássemos e eu sobrevivesse, nunca descobriria quem matou Greg. A matilha acabaria comigo. Isso não levaria a nada. Eu não tinha escolha a não ser engolir o orgulho. Parei e abaixei a lâmina. As palavras não queriam sair da minha boca, mas me forcei a dizê-las.- Desculpe. Adoraria brincar, mas não sou meu próprio chefe por enquanto."

E assim Kate conquista o respeito do Senhor das Feras, ou Curran, ele é o líder da Facção dos metamorfos.

Kate conquista como personagem, ela tem garra, não abaixa a cabeça e luta com tudo o que pode, ela guarda um grande mistério com relação ao seu sangue.

O que posso dizer de Sangue mágico é que é um livro maravilhoso, tem um começo um pouco confuso, porém isso se dá para o bom entendimento do leitor para o que está por vir, aos poucos muitas respostas são respondidas e outras acredito que no volume dois. Os capítulos são longos, mas a partir do capítulo 03 as coisas começam a esquentar e o leitor não consegue desgrudar do livro. Sabe quando se faz uma pausa e a história continua em sua cabeça, eu fiquei pensando o que poderia acontecer, o que já aconteceu e o por que.

Neste livro também temos uma visão mais avançada de como seria um Upir, homens lobos, homens hiena, necromantes e outros seres mais.

O melhor de tudo é que Kate é forte e destemida, ela não tem medo de entrar em uma briga, não se intimida fácil e é bem humorada, ela é inteligente e sabe o que faz.

"Ele e você... - Ele fez um movimento de aproximação com as mãos, com os dedos se esticando, mas sem se tocar. - Vocês não ficam bem juntos.- Por que não?- Você é mais forte que ele.- O que há de errado nisso?- O homem deve ser o mais forte. Para poder proteger.- Você acha que preciso de proteção? - O tom ameaçador penetrou na minha voz sem intenção.- Ele nunca dirá não para você. - Disse Derek.Pág. 146


Resumindo, é uma leitura rápida com personagens cativantes e assustadores, o enredo é misterioso e cheio de aventura, mal posso esperar pela continuação!!
Peço desculpas pela resenha enorme, me empolguei..

Beijos


Filme O Melhor de Mim

em 26 de março de 2015

O Melhor de Mim

Nome original: The Best of Me
Gênero: Romance
Diretor: Michael Hoffman
Duração: 118 minutos
Elenco: Gerald McRaney, James Marsden, Liana Liberato, Luke Bracey, Michelle Monaghan.



Sinopse




Uma história sobre o primeiro amor, um casal de estudantes Amanda Collier (Liana Liberato / Michelle Monaghan) e Dawson Cole (Luke Bracey / James Marsden), que se apaixonam na primavera de 1992. Eles são totalmente diferentes, contudo o amor que um nutria pelo outro, que seria capaz de romper com todas as convenções da pequena cidade em que moravam. Ele parecia encontrar em Amanda forças para superar o mundo obscuro de criminalidade, que a sua família vivia, e ela via em Dawson a oportunidade de ser livre e ser alguém melhor. Após um trágico acidente, eles são separados depois do ultimo verão escolar.




Vinte e um anos depois eles se reencontram no velório do homem, que um dia acolheu Dawson em sua casa, acobertou o jovem casal e acabou se tornando o melhor amigo de ambos. O bom homem deixou duas cartas, que fará o casal reviver momentos únicos e quem sabe mudar o resto da vida para sempre. 





Uma história de amor e muitas lágrimas pelo caminho 



Nicholas Sparks é um autor aclamado pela crítica e também conhecido por escrever romances considerados por algumas pessoas “água com açúcar”, com casais apaixonados cativantes e uma narrativa emocionante.Primeiramente, eu tenho que confessar que sou muito fã do autor,eu sou apaixonada por seus livros, tais quais: Querido John, O Milagre, Um Amor para Recordar e outros títulos; que apresentam uma forma de amor real, nada de zumbi, vampiros ou imortais. Apenas um casal normal, com qualidades e defeitos que se apaixonam e como este sentimento pode mudar a vida de ambos.

Quando eu soube que teria uma adaptação cinematográfica de O Melhor de Mim, eu fiquei assustada e animada. Por ser o meu livro favorito do titio Nick, eu fiquei com medo de transformar aquela história tão bem elaborada e com um desfecho inacreditável, em algo banal e clichê. Hoje, eu posso dizer, que sou muito grata por não ter ido ao cinema ver o filme, porque eu pagaria o maior mico da minha vida, em ter um ataque de choro na frente de todos (risos).




Em O Melhor de Mim, o jovem Dawson vive solitário e deslocado em seu âmbito familiar, em razão de parentes com longas fichas criminais e sem futuro, Amanda é uma garota popular, a menina de ouro e a queridinha dos pais bem-sucedidos. Todavia, quando os conhecemos,vinte anos ou melhor vinte e um anos depois, estão separados, longe da pequena cidade que viveram e presos numa vida infeliz e monótona: Ele optou por trabalhar numa plataforma petrolífera no meio do oceano; ela está vivendo uma vida digna de comercial de margarina com direito a sorrisos vazios e afetos forjados, com o marido e o filho.

Uma reviravolta do destino servirá para colocá-los novamente juntos: Tuck (Gerald McRaney), um ex-militar que teve um papel fundamental na vida dos dois,que acaba falecendo e por isso são convocados para a leitura de seu testamento.




Somos arrebatados por uma trama açucarada por novelo de lembranças de um primeiro amor, um casal apaixonante, a fotografia cheia de luz e cor, com direito a lagos e árvores majestosas que compõem os cenários belíssimos do Sul dos Estados Unidos e um desfecho dramático. Eu queria falar tantas coisas, debater sobre as decisões precipitadas e alguns atos egoístas dos protagonistas, porém eu não posso ser linguaruda ;) 





Enfim, em minha opinião, o filme pode ser considerado água com açúcar, mas conseguiu resgatar a essência e dramaticidade do livro, a personalidade e singularidade do enredo incrível. Um filme romântico que nos leva a pensar sobre o primeiro amor e como as nossas ações podem mudar a nossa vida para sempre.


"Quero acordar de manhã com você ao meu lado, quero chegar à noite e jantar com você. Quero compartilhar com você cada detalhe bobo do meu dia e ouvir cada detalhe do seu. Quero rir junto com você e dormir com você em meus braços. Porque você não é só alguém que eu amei no passado. Você era minha melhor amiga, a melhor parte de quem eu sou, e não consigo me imaginar desistindo disso outra vez. - ele hesitou, buscando as palavras certas. - Eu lhe dei o melhor de mim e, depois que você foi embora, nada jamais voltou a ser o mesmo." (Pág. 185) 










Trechos de Quarta #Teaser

em 25 de março de 2015


Trechos de Quarta (Teaser Wednesday) #101

Qualquer um pode jogar, basta fazer o seguinte,
Pegue sua atual leitura
Escolha seu “trecho” preferido,
Compartilhe um “trecho” do livro
Compartilhe o título e o autor também...




Sangue Mágico

Kate Daniels # 01
Ilona Andrews


 


 " - Está satisfeito? - Perguntei.
Ele assentiu.
- Por enquanto. Eu ligo para você.
-Não venho mais aqui. - disse. - A Avenida Unicorn me dá arrepios.
Seus olhos brilharam novamente.
- É mesmo? Acho que é relaxante. Um cenário cinematográfico. Luar.
- Eu nunca me importei com cenários cinematográficos. Da próxima vez, gostaria de receber um convite oficial."




Beijos


Resenha | Três dias para Sempre |

em 24 de março de 2015



Quanto tempo você precisa para saber que está apaixonado? Uma semana? Um mês? Um ano? Line e Teo só precisaram de três dias. E, em três dias, eles vivem uma paixão que, pela sua vontade, duraria para sempre. 
Line mora sozinha no Rio, ainda juntando os cacos depois que o seu noivo a abandonou no dia do casamento. Sem um emprego decente, sem um amigo sequer e sem coragem de voltar para a sua cidadezinha natal, ela vê os dias passarem enquanto aguarda algum sinal do destino
sobre qual caminho seguir. No ônibus ela conhece o brasiliense Teo, que está na cidade a passeio, curtindo o verão mais escaldante dos últimos mil anos. Olhares trocados, mensagens de
texto e uma vontade incontrolável de se ver mais uma vez... É assim que começam as paixões mais gostosas. Para Line, poderia ser apenas uma distração (maravilhosa) para as noites quentes de Copacabana, seja nos barzinhos junto com a galera ou na (quase) privacidade do apê onde Teo está hospedado. O problema é que um coração cansado de sofrer se preenche com a maior facilidade e Teo não pode ir embora sem saber que mudou a vida dela para sempre.







Line não anda numa fase muito boa, ser abandonada no dia do casamento não foi legal, a sorte dela foi ter feito amizade com a Raffa que é recepcionista chefe do Hotel e está ter oferecido um trabalho enquanto ela decide o que fazer da vida, já que está numa cidade estranha e sozinha, sem a família e amigos.



Eveline não quer voltar para Barreiras e enfrentar seus familiares e amigos, enquanto isso ela ajuda Raffa no que pode no Hotel, sempre de bom humor.


Logo no primeiro dia do ano, Line tem que ir ao aeroporto buscar alguns passageiros, para seu azar ou sorte, eles não apareceram, Line volta de ônibus para o Hotel.


Foi no ônibus que Line conhece Teo e Canutto, lindos rapazes que estão na cidade passeando e eles resolvem conversar entre eles com Line no meio, foi assim que Line acabou por entrar na conversa e curtiu muito a companhia desses dois rapazes lindos, claro que Teo se sobressaiu aos olhos de Line.


Um ótimo papo no ônibus, mensagens de Texto e promessas de um passeio mais tarde, foi assim que Line aos poucos se viu enredada por Teo e daí nasceu uma história de amor.


“Em uma cidade maravilhosa, dias incríveis e um final inesperado.”


Final inesperado mesmo, sério o livro foi ótimo, só peca no final, juro que fiquei Pê da vida e com vontade de jogar o livro longe. (#Desabafo)


A leitura é rápida e envolvente, a narrativa de Janda Montenegro conquista o leitor, é viciante, li este livro em um dia. A diagramação da Novo Conceito é linda demais, capa condizente com a história, mais o final, há o final foi de matar.


Resumindo, o livro é muito bom e se você leitor gosta de livros que te surpreenda talvez este livro seja para você, ou talvez você deseje não ter lido. =X



Beijos



Novidades Madras Teen

em 23 de março de 2015




Ola meus amores, o selo Madras Teen já tem datas e locais de lançamentos confirmados. O Selo irá lançar Filhos de Lilith da autora Elaine Velasco e Os Demônios de Deus de Alexandre Mackenzie. As capas estão maravilhosas!!


O evento será realizado na Livraria Leitura, localizada à Avenida Kennedy, 700 - Loja 115 A, Jardim do Mar, no Golden Square Shopping, em São Bernardo do Campo, será no dia 28/03 às 14 horas.








Beijos



[Sorteios] Promoção Chocolivros !!!

em 22 de março de 2015



A Páscoa está chegando e chocolates combinam muito bem com a nossa paixão, que são os livros, então 06 blogs amigos se juntaram para sortear 06 livros incríveis para vocês!!!







Os blogs participantes são:

Apaixonadas por Livros doará o livro Érica;

Daily Books of Mila  doará o livro Três dias para Sempre;

Doces Letras doará o livro A Mais Pura Verdade;

Era Uma Vez o Livro doará o livro Sonhei que Amava Você;

No Universo da Literatura doará o livro  Sugar;

Tribo do Livro doará o livro A Morte de Sarai.


Para participar é muito simples, é só preencher o formulário abaixo e torcer muito!!!




Regras :

  • Ter endereço de entrega no Brasil;
  • Seguir todas as regras segundo o formulário acima;
  • Responder em até 3 dias com os dados de envio após ser comunicado do resultado;
  • Os livros serão enviados em até 45 dias após o recebimento dos dados de envio pelo ganhador;
  • Cada blog será responsável pelo envio do livro doado;
  • Será fornecido ao ganhador um código de rastreamento por cada blog;
  • Não nos responsabilizamos por extravios.




Termos Gerais:

1 – Esta promoção não tem fins lucrativos, o Daily of Books Mila  e os demais blogs amigos participantes visam somente incentivar a leitura;
2- A promoção tem início no dia 22/03/2015 até 10/04/2015;
3- Será  APENAS 1 ganhador. Seguindo todas as regras, este levará os 6 livros;



Participem e boa sorte !!!



Resenha: Quarto - Emma Donoghue

em 20 de março de 2015





Sinopse

Para Jack, um esperto menino de 5 anos, o quarto é o único mundo que conhece. É onde ele nasceu e cresceu, e onde vive com sua mãe, enquanto eles aprendem, leem, comem, dormem e brincam. À noite, sua mãe o fecha em segurança no guarda-roupa, onde ele deve estar dormindo quando o velho Nick vem visitá-la.
O quarto é a casa de Jack, mas, para sua mãe, é a prisão onde o velho Nick a mantém há sete anos. Com determinação, criatividade e um imenso amor maternal, a mãe criou ali uma vida para Jack. Mas ela sabe que isso não é suficiente, para nenhum dos dois. Então, ela elabora um ousado plano de fuga, que conta com a bravura de seu filho e com uma boa dose de sorte. O que ela não percebe, porém, é como está despreparada para fazer o plano funcionar.

- Best-seller internacional há doze semanas na lista do The New York Times.

- Finalista do Man Booker Prize, vencedor do Hughes & Hughes Irish Novel of the Year e de vários outros prêmios importantes.













Título: Quarto
Autor(a): Emma Donoghue
Editora Verus, 2011
Num. Págs: 349 páginas



Recebi este livro participando do CV21 que é um tópico do grupo Livro Viajante da rede social para leitores Skoob.


Foi uma boa surpresa, um livro com linguagem simples, cativante e com uma mensagem linda.


Jack é um garoto de cinco anos que vive com sua mãe reclusos dentro de um quarto, presos por um homem chamado Nick, que mantém sua mãe ali há sete anos, e o garoto é fruto desse envolvimento, nasceu dentro desse quarto.


A história é toda relatada por Jack, com linguagem infantil e bem fácil e rápido de lermos, é muito comovente sua visão de mundo, pois o dele é somente o que existe dentro de seu quarto, o mundo que vê na TV que eles possuem, ele chama de Lá Fora, entre sonhos e divagações, ele e sua mãe sobrevivem nesse ambiente, onde o sequestrador é um visitante que leva alimentos e doces em dias especiais em que sua mãe pede como presente.


"Somos como pessoas num livro que ele não deixa mais ninguém ler."


O menino e sua mãe passam os dias brincando, lendo e relendo bastante os livros que o velho Nick traz às vezes para eles, e no meio desse tempo, sua mãe também tenta a fuga, gritando durante as brincadeiras, para Jack não passa disso, ele nem imagina em que mundo vive, da crueldade em que está inserido.


Várias colocações em que Jack, tão inocente, divaga são encantadoras, é muito gostoso lermos livros assim, que nos fazem refletir, ao mesmo tempo que nos comove nos encanta.


"Acho que o tempo é espalhado muito fino em cima do mundo todo, feito manteiga, nas ruas e nas casas e nas pracinhas e nas lojas, por isso só tem um tiquinho de tempo espalhado em cada lugar, e aí todo mundo tem que correr pro pedaço seguinte."


Este livro é dividido em 5 partes: Presentes, Desmentidos, Morrer, Depois, Viver.


Um exemplo de amor incondicional entre mãe e filho, essa ligação é nítida no decorrer da leitura, onde este é um livro para ser lido e sentido.


Particularmente gosto bastante de livros nessa temática, imagino o sofrimento das pessoas envolvidas e sempre tive curiosidade em como conseguiram sobreviver e depois da liberdade, sobreviver no mundo após essa terrível experiência.



Sobre a autora: Emma Donoghue




Nascida em Dublin em 1969, Emma Donoghue é escritora de ficção contemporânea e histórica. Seus romances incluem Slammerkin, The Sealed Letter, Landing, Life Mask, Hood e Stir-fry. Suas coletâneas de contos são The Woman Who Gave Birth to Rabbits, Kissing the Witch e Touchy Subjects. Ela também escreve história literária e peças para teatro e rádio.


Sucesso de público e crítica, Quarto é sua mais recente criação, publicado em mais de trinta países e eleito melhor livro do ano por diversos meios de comunicação.


Emma mora na cidade de London, na província de Ontário, Canadá, com sua parceira e dois filhos pequenos.


Espero que tenham gostado, até a próxima




Lançamentos Qualis Editora

em 19 de março de 2015


Ola meus amores, hojé é dia de conhecer os lançamentos da mais nova Editora Parceira do Daily of Books Mila, Qualis Editora. 



Vem Comigo!!




Dominados


Mila Wander

ISBN: 9788568839027
Ano: 2015 / Páginas: 490
Idioma: português
Editora: Qualis editora

Dominados - Laura Diniz está concorrendo a um cargo na diretoria da Construtora Marcos Delacox.
Henrique Farias também.
Laura Diniz é orgulhosa, ambiciosa, poderosa e viciada em desafios.
Henrique Farias também.
Laura Diniz é uma dominatrix fatal.
Henrique Farias é um dominador intenso.


O JOGO DE PODER E SEDUÇÃO SÓ ESTÁ COMEÇANDO...

Erótico / Ficção / Romance

R$ 34,99


Onde comprar: Qualis Editora





Escolhas

Cristina Valori

ISBN: 9788568839003
Ano: 20151 / Páginas: 254
Idioma: português
Editora: Qualis editora


Escolhas - Quem determina o que é certo ou errado? Como saber qual caminho seguir? O que nos garante a certeza de ter feito a escolha correta? Será que a razão deve prevalecer ou seguir o coração é sempre o melhor? Você conseguiria viver sabendo que as suas decisões podem mudar tudo? Por que o destino as vezes nos testa?

Para Fabiana nada poderia mudar a sua história. Ela sempre teve esta certeza, até que a vida provou que nem sempre é fácil decidir qual rumo tomar. Que o seu coração é quem comanda e a guiará para a decisão correta.

Em um sábado como outro qualquer, Fabiana se vê diante de uma situação que mudará a sua estrutura, deixando-a com dúvidas sobre a sua, perfeita, vida. Ela será obrigada a fazer a sua escolha, quando o destino exige uma decisão.
Como não se entregar ao verdadeiro amor? Como viver sem se sentir culpada? E por quê? Porque ela estava sendo testada daquela forma?

Essas e outras perguntas começaram a fazer parte do seu dia a dia, desde o momento que resolveu seguir os seus sentimentos.

E você? Faria o que? Seguiria o seu coração?


R$29,99

Onde Comprar: Qualis Editora 






E aí, curtiram?


Beijos