Livros para o Halloween

em 19 de outubro de 2015


Eis uma data que simplesmente adoro! O Halloween!

Todo ano seleciono livros e filmes para prestigiar esta data, pois adoro suspense, terror e horror.

Selecionei alguns livros que precisam estar na lista dos aficionados pelo gênero, peguem suas pipocas, refrigerantes e no conforto de suas camas, vamos tremer com estas histórias fantásticas!





O Médico e o Monstro

Publicado em 1886, em Londres, O Médico e o Monstro pode ser interpretado como uma alegoria do conflito entre a rigorosa moralidade vigente do século XIX e os desejos por ela reprimidos, próprios da natureza humana. Não por menos, Stevenson optou por chamar de Sr. Hyde (de hidden, 'oculto' em inglês) a faceta monstruosa que dominava de tempos em tempos a personalidade pacata do correto e respeitado Dr. Henry Jekill.



Drácula

A história gira em torno de um viajante inglês não identificado, associado a Jonathan Harker, nos momentos anteriores à sua partida para a Transilvânia, onde o mesmo se depara com acontecimentos sobrenaturais, forças desconhecidas e criaturas fantásticas.
Bram Stoker publicou seu romance ¿Drácula¿ em maio de 1897, estruturando-o como um romance epistolar, escrito a partir de uma série de cartas, relatos, diários pessoais, reportagens de jornais, registros de bordo, etc. A solução narrativa do autor foi brilhante: narrar a história a partir dos diários e memorandos de seus protagonistas, com isso as confissões e desesperos dos envolvidos na trama vão dando forma ao perigo, que só muito depois se torna completamente evidente. Ele nos apresenta também os costumes, tradições e a cultura da Inglaterra vitoriana e o a reação dos britânicos com relação ao que vem do estrangeiro, personificado através do medo arquetipiano da figura do vampiro. Nesse sentido, a realidade do racionalismo britânico entra em choque com o sobrenatural, explicitado através das figuras opostas de Drácula e de Van Helsing, ambos estrangeiros e pertencentes a sociedades estranhas aos costumes britânicos. A atmosfera gótica é o pilar do romance: a maior parte da história se passa na Inglaterra, berço da civilização industrial e para onde o Conde se dirige com o intuito secreto de conquistar o mundo, o que é apenas sublimado ao longo da narrativa. Quando o conhecimento científico encontra seu limite para lidar com os fatos, resta o conhecimento popular. É desse conhecimento que Van Helsing tira os procedimentos necessários para acabar com o vampiro. As dicotomias entre as figuras do bem e do mal são figuradas nos personagens humanos e nos vampiros. O único contato entre os universos é a sensualidade e o erotismo.



Frankenstein

A princípio, tratava-se de um pequeno conto sobre um jovem estudante suíço que ambicionava criar um ser ideal, injetando vida a um corpo morto. Mais tarde, transformado em romance, tornou-se um marco na literatura do gênero. Frankenstein ou o Moderno Prometeu (Frankenstein; or the Modern Prometheus, no original em inglês), mais conhecido simplesmente por Frankenstein, é um romance de terror gótico com inspirações do movimento romântico, de autoria de Mary Shelley, escritora britânica nascida em Londres. O romance relata a história de Victor Frankenstein, um estudante de ciências naturais que constrói um monstro em seu laboratório. Mary Shelley escreveu a história quando tinha apenas 19 anos, entre 1816 e 1817, e a obra foi primeiramente publicada em 1818, sem crédito para a autora na primeira edição. Atualmente costuma-se considerar a versão revisada da terceira edição do livro, publicada em 1831, como a definitiva. O romance obteve grande sucesso e gerou todo um novo gênero de horror, tendo grande influência na literatura e cultura popular ocidental.



Psicose

Psicose, o clássico de Robert Bloch, foi publicado originalmente em 1959, livremente inspirado no caso do assassino de Wisconsin, Ed Gein. O protagonista Norman Bates, assim como Gein, era um assassino solitário que vivia em uma localidade rural isolada, teve uma mãe dominadora, construiu um santuário para ela em um quarto e se vestia com roupas femininas.
m Psicose, Bloch antecipou e prenunciou a explosão do fenômeno serial killer do final dos anos 1980 e começo dos 1990. O livro, junto com o filme de Hitchcock, tornou-se um ícone do horror, inspirando um número sem fim de imitações inferiores, assim como a criação de Bloch, o esquizofrênico violento e travestido Bates, tornou-se um arquétipo do horror incorporado a cultura pop.




Carrie

A obra apresenta a adolescência de uma jovem problemática, perseguida pelos colegas, professores e impedida pela mãe de levar a vida como as garotas de sua idade.
Só que Carrie guarda um segredo: quando ela está por perto, coisas estranhas acontecem, misteriosamente.
Aos 16 anos, Carrie prepara sua vingança contra todos os que a prejudicaram.
Adaptado para o cinema duas vezes, uma delas recentemente.




O Grande Livro de Histórias de Fantasmas

No livro, o olhar feminino incide direta e precisamente em um dos gêneros clássicos da literatura, os contos de horror. As perspectivas apresentadas nas 34 histórias, contudo, são as mais variadas. Há narrativas tradicionais e estudos psicológicos modernos, clássicos contos de casas mal-assombradas e fábulas de mistério de teor feminista. Algumas das histórias são inquietantes; outras, francamente assustadoras; mas todas são narrativas antológicas que investigam como mulheres lidam com a paixão, a angústia e a raiva.
As 31 autoras britânicas reunidas em O Grande Livro das Histórias de Fantasmas estão entre as mais importantes dos séculos XIX a XXI. Algumas dedicaram suas vidas a histórias de suspense e mistério, outras se entregam aqui a um raro exercício no gênero. A lista inclui Charlotte Brontë, a mais velha das irmãs do clã, autora de Jane Eyre; Edith Wharton, ganhadora de um prêmio Pulitzer por A Era da Inocência; May Sinclair, crítica literária e uma das mais ativas militantes pelo voto feminino em sua época; A. S. Byatt, autora de Possessão e Anjos e Insetos, de produção longa e ainda na ativa, e muitas outras.




Contos de Imaginação e Mistério

No livro, narrativas como 'Os assassinatos na Rue Morgue' (sobre o mistério do brutal assassinato de duas mulheres em Paris, investigado e solucionado pelo detetive Dupin), 'O poço e o pêndulo' (sobre um herege preso e torturado pela Inquisição) e 'A queda da casa Usher' (o narrador, hóspede da lúgubre mansão, descreve a melancólica estranha decadência de uma família), 'Os fatos no caso do sr. Valdemar' (no qual o protagonista permanece hipnotizado enquanto morre, podendo assim assistir à própria morte), 'Silêncio- uma fábula' (longo diálogo entre o demônio e o narrador) e 'Leonizando' (narrativa de viés absurdo, em que a personagem é obcecada pelo estudo do nariz). São 22 histórias, ao todo. Acompanha posfácio escrito por Baudelaire.
Belíssima edição em capa dura neste lançamento da editora Tordesilhas.





Entrevista com o vampiro

Uma história que começa com a ousadia de um jovem repórter ao entrevistar Louis de Pointe du Lac, nascido em 1766 e transformado em vampiro pelo próprio Lestat, figura apaixonante que terminará, ao longo da série, arrebatando multidões como cantor de rock. Louis, esse vampiro que se recusa a livrar-se das características humanas e aceitar a crueldade e a frieza que marcam os vampiros, continua a contar a história desde o início. É um mundo de uma fantasia impressionante, um mundo gótico, romântico, esse criado por Anne Rice e traduzido por Clarice Lispector.
Adaptado para o cinema com Tom Cruise no papel de Lestat.




Trilogia da Escuridão

Noturno, A queda e Noite Eterna são os três volumes da Trilogia da Escuridão, escritas por Guillermo Del Toro.
Fizeram tanto sucesso que estão no ar na série para a TV: Strain.
A Trilogia da Escuridão é uma história de vampiro diferente da maioria das que já conhecemos. Nós nos acostumamos com os vampiros delicados e sensuais, mas os strigoi – como os mortos-vivos são chamados na obra de Guillermo Del Toro e Chuck Hogan – são criaturas monstruosas e ameaçadoras, de aspecto claramente inumano. Predadores supereficientes, muitas vezes sem qualquer recordação de suas vidas pregressas.
Os vampiros da trilogia se identificam muito mais com uma doença e uma praga do que com um lado sombrio da própria humanidade. São um vírus e uma infestação, literalmente. As criaturas não possuem sexo, cabelo ou pelos no corpo; e sob sua pele é possível ver um sem-número de vermes em movimento; seu cheiro é de terra e suas roupas, quando existentes, se desfazem em trapos apodrecidos.




The Walking Dead

Após conquistar milhões de fãs ao redor do mundo e vender mais de 200 mil exemplares apenas no Brasil, a franquia de zumbis mais celebrada da década está de volta. O terceiro - e último - livro, The Walking Dead: A Queda do Governador, promete contar em detalhes o destino desse que é o personagem mais controvertido em um mundo dominado por mortos-vivos. Com seu senso doentio e muito particular de justiça, ele força prisioneiros a lutarem contra zumbis em uma arena, para delírio dos moradores entediados.
No primeiro volume, A ASCENSÃO DO GOVERNADOR, descobrimos como ele se tornou esse homem e qual a origem de suas atitudes extremas. Já no segundo, O CAMINHO PARA WOODBURY, acompanhamos suas interações com os moradores. E do que ele foi capaz para que a cidade murada fosse um local seguro no qual as pessoas pudessem viver em paz em meio ao apocalipse zumbi. E do que um grupo de humanos errantes é capaz para alcançar esse aparente paraíso.
The Walking Dead: A Queda do Governador dá continuação à história de ação e horror. Personagens icônicos das tirinhas que deram origem à série de TV, como Rick, Michonne e Glenn vão finalmente fazer sua estreia no palco do pesadelo zumbi. E fãs poderão vê-los sob uma nova e assustadora luz.



Caixa de Pássaros

Romance de estreia de Josh Malerman, “Caixa de Pássaros” é um thriller psicológico tenso e aterrorizante, que explora a essência do medo. Uma história que vai deixar o leitor completamente sem fôlego mesmo depois de terminar de ler.

Basta uma olhadela para desencadear um impulso violento e incontrolável que acabará em suicídio. Ninguém é imune e ninguém sabe o que provoca essa reação nas pessoas. Cinco anos depois do surto ter começado, restaram poucos sobreviventes, entre eles Malorie e dois filhos pequenos. Ela sonha em fugir para um local onde a família possa ficar em segurança, mas a viagem que tem pela frente é assustadora: uma decisão errada e eles morrerão.



Espero que tenham apreciado minhas dicas, se tiverem mais indicações, comentem!





15 comentários

  1. Oi, Nanda
    Drácula acho que nem poderia faltar na lista né.
    O único que tenho vontade de ler é Caixa de pássaros.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Poderia ter O Monstrologista também... é ótimo.

    xoxo
    Mila F.
    @camila_marcia
    www.delivroemlivro.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi Nanda, tudo bem?
    Halloween está chegando e eu sem nada de terror para ler. Que triste né?
    Muitos do livros que você citou, eu tenho vontade de ler, um deles é Psicose, sério estou querendo muito ler esse livro.
    Beijão, amei seu blog e já segui <3

    Vinicius
    omeninoeolivro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Adorei as dicas!
    Só li Caixa de Pássaros e adorei.
    Queria ler Carrie.
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  5. A lista está ótima e claro que diversos clássicos não poderiam faltar nela, uma pena que acho que esse mês passa em branco para mim se tratando de leituras do tipo.
    Tenho interesse em ler vários da lista, apenas terei que parar o tempo antes para pelo menos ler um terço dos livros que estão na fila xD
    Abraços

    ResponderExcluir
  6. Oi Nanda. Tudo bem?
    Diferentemente de você, não sou muito fã de terror, mas adoro o Halloween. Tenho vontade de ler Drácula, mas não possuo o obra. Já que você gosta bastante do gênero, leia Sete ossos e uma maldição. É o único livro de terror que já li na vida e é bem bacana. São vários contos e eu realmente não recomendo a leitura de nenhum deles antes de dormir hehe.
    Beijinhos

    Vidas em Preto e Branco 

    ResponderExcluir
  7. Nanda, o Halloween não é uma data adorada por mim, até porquê nem é comemorada aqui no brasil, mas é impossível negar o toque assombroso que toma conta do país com lançamentos de vários produtos temáticos. Bom, estou disposto a ler alguns livros de terror até o fim do ano, me interessei bastante por Drácula, Psicose e Caixa de Pássaros.

    ResponderExcluir
  8. dos livros acima eu já li O médico e o monstro, Drácula e Entrevista com o vampiro são livros incriveis e bem interessantes.

    ResponderExcluir
  9. Que seleção Nanda, muito boa! Tenho certeza que assustará muita gente.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  10. Nanda, assim como você, amo essa época em que se comemora o Halloween, uma pena que aqui no Brasil esse evento não é tão valorizado.
    De suas indicações, li somente Caixa de Pássaros e foi uma experiência incrível para mim, pois foi o primeiro thiller que li. Sobre os demais, tenho uma grande curiosidade de conhecer a escrita de Stephen King e a serie de The Walking Dead, que é muito bem elogiada.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  11. Eu simplesmente adoro livros do gênero de terror, adorei esse post e me interessei e pretendo ler diversos livros, como Psicose, The Walking Dead e Caixa de Pássaros.

    ResponderExcluir
  12. Apesar de gostar do gênero, leio pouquíssimo pq sou medrosa ao extremo.
    Incluiria A Passagem - Justin Cronin... ótimo!

    ResponderExcluir
  13. Nanda!
    Boas escolhas, principalmente os clássicos.
    Já li alguns e espero ler Psicose.
    “Temos a arte para não morrer da verdade.”(Friedrich Nietzsche)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participem do nosso Top Comentarista, serão 3 ganhadores!

    ResponderExcluir
  14. Belas escolhas, aindanão li nenhum dos livros citados, mas tenho muita curiosidade, já ouvi muitas criticas positivas sobre eles.

    Beijinhos

    http://coruujando.blogspot.com.br ♥

    ResponderExcluir
  15. Passo longe dos livros de terror rsrsrs.
    Boa leitura para quem gosta!
    Beijos

    ResponderExcluir

Ola!
Agradeço pelo comentário!
Beijinhos Carinhosos!