Na ilha - Tracey Garvis Graves

em 13 de janeiro de 2015



Sinopse:
Anna Emerson é uma professora de inglês de 30 anos desesperada por aventura. Cansada do inverno rigoroso de Chicago e de seu relacionamento que não evolui, ela agarra a oportunidade de passar o verão em uma ilha tropical dando aulas particulares para um adolescente. T.J. Callahan não quer ir a lugar algum. Aos 16 anos e com um câncer em remissão, tudo o que ele quer é uma vida normal de novo. Mas seus pais insistem em que ele passe o verão nas Maldivas colocando em dia as aulas que perdeu na escola. Anna e T.J. embarcam rumo à casa de veraneio dos Callahan e, enquanto sobrevoam as 1.200 ilhas das Maldivas, o impensável acontece. O avião cai nas águas infestadas de tubarão do arquipélago. Eles conseguem chegar a uma praia, mas logo descobrem que estão presos em uma ilha desabitada. De início, tudo o que importa é sobreviver. Mas, à medida que os dias se tornam semanas, e então meses, Anna começa a se perguntar se seu maior desafio não será ter de conviver com um garoto que aos poucos torna-se homem.







Dois desconhecidos.

Uma ilha deserta.

Uma aventura proibida.





Na Ilha
Autor(a): Tracey Garvis Graves
Editora: Intrínseca
Ano: 2013
Páginas: 288

Segundo livro da Maratona Literária #EuTôDeFérias, e meu primeiro do Desafio Literário A Elite 2015, com o tema: Férias!, estou feliz pois só estou tendo boas leituras até agora.

No Desafio Literário são três temas por mês durante o ano, em janeiro são: Um livro só com letras na capa, um autor que indico para todo mundo e férias!

Este é o tipo de livro que te prende de uma forma, que não consegue parar até o final. Não imaginava do que se tratava, pois não li a sinopse, só me encantei pela capa e soube por comentários na Bienal do Livro, que era um romance e dos bons.


A professora de inglês Anna, 30 anos, está decepcionada com seu relacionamento amoroso e decide partir numa aventura nas ilhas Maldivas, onde daria aulas a um adolescente que portava um câncer em processo de remissão, TJ Callahan, nas férias de Verão. Mas o comandante do voo sofre um ataque cardíaco e o avião cai, os deixando em pleno mar aberto repleto de tubarões, eles conseguem chegar a uma ilha inabitada e assim começa a jornada pela sobrevivência e novas descobertas dando um novo sentido de vida aos dois.


"Eu não sabia se eu conseguiria seguir em frente sem ela. O som da sua voz, seu sorriso, ela - essas eram as coisas que tornavam a vida na ilha suportável. Eu a abracei um pouco mais apertado e pensei que, se ela acordasse, eu diria tudo isso."


No início, preocupam-se somente com a sobrevivência imediata, e como contarão sua imensa aventura a familiares e amigos. Ambos tem uma vida a retomar, e a pergunta de sempre é: conseguirão sair algum dia vivos daquela ilha?

Não demora muito a sentirem atração um pelo outro, e a diferença de idade entre eles não impedirá que comecem uma linda história e nem podia ser diferente devido as circunstâncias que se encontravam: um lugar paradisíaco, um jovem casal e solidão.

É um romance com um toque picante, muito gostoso de ler, por não conseguir parar terminei em poucas horas e sei que várias conhecidas minhas fizeram o mesmo, então é um livro que vale a pena.

Me identifiquei com o romance pois tive um relacionamento assim há alguns anos atrás, com um rapaz bem mais novo, que foi o grande amor da minha vida, entendo perfeitamente como eles se sentiram, seus medos e receios, é mais uma leitura que acrescenta, e tudo o que ajuda a diminuir o preconceito é sempre muito bom, para todos!


Terá uma adaptação para o cinema em breve.




A Autora:


Tracey Garvis Graves vive em Des Moines, nos Estados Unidos, com o marido, os dois filhos, e uma cadela hiperativa chamada Chloe. Na Ilha, o seu primeiro romance, foi um extraordinário sucesso mundial e terá adaptação para o cinema.


O seu blog www.traceygarvisgraves.com conta também com inúmeros fãs e sua porta de entrada para seu mundo de humor e histórias rocambolescas.


Para mais informações sobre a autora, pode também consultar a sua página no Facebook www.facebook.com/tgarvisgraves.




Até a próxima,



20 comentários

  1. Oi Mila,
    Não conhecia o livro, mas pareceu ser bem interessante. Nuca tive um relacionamento assim, mas acho que como você muitos vão se identificar.

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  2. Já tinha lido algumas resenhas sobre esse livro e concordo que é uma bela história para quebrar alguns preconceitos com relação a diferença de idade. A trama parece envolvente e bem construída, assim como as personalidades dos personagens.
    Se tiver a chance, com certeza vou ler.
    bjs

    ResponderExcluir
  3. Oi Nanda,
    Meu único receio de ler este livro é que o autor tem que ser mto bom para não deixar a "peteca cair" quando o desenvolvimento da trama depende apenas de dois personagens. ME traumatizei com dois livros que usaram essa estrutura, e desde então tenho evitado esse tipo de livro.
    Mas a estória em si parece ser realmente interessante, então, talvez eu dê uma chance.
    Abraço,
    Alê
    www.alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Desde que vi esse livro eu me interessei.
    Gostei muito da sua resenha, deve ser um romance e tanto.
    Também me identificaria com o livro nessa diferença de idade, pois meu noivo é alguns anos mais velho que eu.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Nanda!
    É tudo o que queremos um dia, né? Ficar isoladas em uma ilha com um grande amor e isso não importa a idade, o importante é viver a intensidade do momento.
    Como adoro romances, fiquei bem interessada em poder ler.
    Parabéns por sua maratona e desafio literários.
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. cara ela ainda tem um romance com o cara? q tenso uhasauhsuhs sério curti isso não.
    esse lance de amor n vê idade n rola comigo!
    a capa do livro é linda, mas com certeza n me empolguei pra ler a história.

    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  7. Que legal a resenha desse livro, adorei e at[é fiquei curiosa pra ler eu gostei da sinopse... mas essa capa... affff doeuuu rsrsrs ,mas isso é opini~]ao não
    beijocas more e parabéns por mais uma resenha! :d

    ResponderExcluir
  8. Esse livro vem sendo bem comentado desde antes do lançamento, mas meu medo é de ele caia na mesmice... sei lá, mas acho que não há muito assunto qdo se fica perdido no meio do nada e é aí que entra a autora pra mostrar o talento ou enterrar o livro de uma vez.

    ResponderExcluir
  9. Esse é um favorito que faço questão de anunciar aos quatro cantos do mundo. Adoro o livro, a autora é incrível e estou esperando por mais novidades do filme.

    http://uminutodeverao.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Eu amei este livro Fer é o tipo de livro que não queremos parar enquanto não acaba e cada capítulo deixa aquele gostinho de "ah preciso ler mais um pouco". Amei de verdade, foi o primeiro livro que li este ano e já adorei. Sua resenha ficou ótima! Beijos

    ResponderExcluir
  11. Nunca tinha ouvido falar sobre este livro, mas me pareceu bem legal! :D
    Gostei bastante da resenha!

    http://bookspoison.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Ola!!
    Nao sei mais achei a historia mto previsivel, pode ate ser mtoo bom e ter suas viravoltas mais pelo o começo a resenha ja tinha entendido o que ia dar os dois juntos na ilha hahahah mais deve ser uma leitura mtoo boa de ler.. bjoos

    ResponderExcluir
  13. Oi Nanda, já li algumas resenhas do livro, e até me interessei um pouco por ele, mas não tenho pressa na leitura.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  14. Oi Nanda :)
    Tenho vontade de ler esse livro desde o lançamento mas só fico enrolando hahaha. Não sabia que vai ter uma adaptação :O já estou morrendo de curiosidade.

    Bjs

    ResponderExcluir
  15. Li esse livro tem muito tempo, mas confesso que bateu uma saudadezinha lendo sua resenha. Adorei o livro e mal posso esperar a adaptação no cinema, acho que vai chocar muita gente. :P É impossível não lembrar daquele sessão da tarde que reprisou 129439049342 vezes na tv. :P

    beijos,

    Amy - Macchiato

    ResponderExcluir
  16. Oi! Pela capa em não imaginava que encontraria uma história assim, tão profunda. Um relacionamento onde um dos dois é muito jovem, ou até mesmo adolescente, como é o caso do livro, é confuso e cheios de altos e baixos. Me interessem de imediato, pois estou louca por um romance que me tire o fôlego e acho que esse livro proporciona isso e mais um pouco.

    ResponderExcluir
  17. Ai, romance, eu queroooo! Hahaha. Eu sou loucaa por romances! Acho que só vou pular essas partes picantes, e se forem muitas talvez eu não leia justamente por causa delas :( Mas a história parece ser bem legal, apesar de um tanto clichê. Mas beleza, porque eu amo clichês, haha.

    ResponderExcluir
  18. Hey.
    Para ser sincera, não gostei da história do livro e muito menos do romance. Então, acho que eu não leria.Mas, que bom que você gostou da leitura.

    Abs

    ResponderExcluir
  19. Comprei o livro na bienal =)
    Gosto muito de romances e quando li a sinopse, fiquei bem interessada.
    Terá uma adaptação para o cinema em breve. >> Não sabia... Que bacana!

    ResponderExcluir
  20. Você está certa, o livro não deixa nada a desejar. É uma leitura envolvente que te prende ate a última página!
    Parabéns pela resenha. Este livro foi uma das leituras maravilhosas que você me proporcionou, voce tem muito bom gosto. Tenho sorte em ter uma amiga como você. Beijos!
    Tayna Blumer

    ResponderExcluir

Ola!
Agradeço pelo comentário!
Beijinhos Carinhosos!