Resenha Tigana - A Lâmina na Alma

em 31 de janeiro de 2014


Tigana: A Lâmina na Alma 
Guy Gavriel Kay - 368 páginas - Saída de Emergência Brasil 

Tigana é uma obra rara e encantadora onde mito e magia se tornam reais e entram nas nossas vidas. Esta é a história de uma nação oprimida que luta para ser livre depois de cair nas mãos de conquistadores implacáveis. É a história de um povo tão amaldiçoado pelas negras feitiçarias do rei Brandin que o próprio nome da sua bela terra não pode ser lembrado ou pronunciado. Mas anos após a devastação da sua capital, um pequeno grupo de sobreviventes, liderado pelo príncipe Alessan, inicia uma cruzada perigosa para destronar os reis despóticos que governam a Península da Palma, numa tentativa de recuperar um nome banido: Tigana. Num mundo ricamente detalhado, onde impera a violência das paixões, este épico sublime sobre um povo determinado em alcançar os seus sonhos mudou para sempre as fronteiras da fantasia.






TiganaA Lâmina na Alma

Não tem nome melhor para este livro, não sei bem como começar a resenha, pois este livro me emocionou bastante, ou posso dizer que este livro me conquistou aos poucos, estava muito curiosa desde seu lançamento, e comecei a ler assim que chegou.

Talvez o livro não conquiste a todos, e apesar de sua leitura ser densa e vagarosa, eu me sintonizei com o enredo e seus personagens, a narrativa é detalhista, isso pode deixar o livro um pouco cansativo em alguns momentos, mais ao mesmo tempo sugiro que siga adiante, pois surpresas podem te deixar de boca aberta. 

Pelo fato da narrativa ser mais descritiva, às vezes sentia que não saia do lugar e isto é um fator negativo, em contra partida este livro não é apenas para ser lido, é para ser degustado e apreciado, o enredo é de prima inteligência e até surpreendente.

Seus personagens são bem construídos e aos poucos conhecemos um pouco mais de cada um, sua história, suas dores e seus objetivos. Príncipe Alessan, Catriana, Devin são os que mais me conquistaram, são fortes e decisivos e juntos com outros personagens formam um grupo complexo e memorável.


“— Ah, claro... — disse ela, sarcasticamente. — Com certeza você sente muito. Estava muito claro, o tempo todo, o quanto você lamentou aquela experiência!

Alessan segurou o riso.
— Catriana, minha querida... Eu acabei de proibi-lo de comentar quaisquer detalhes sobre o que aconteceu. Como vamos nos esquecer do que ocorreu se você continuar trazendo isso à tona?
Sem o menor vestígio de um sorriso, Catriana replicou:
— Eu sou a parte ofendida aqui, Alessan. Você não vai me proibir de nada. As regras não são as mesmas.”


Brandin e Aberico são os feiticeiros, são imunes às magias, então, como destronar esses Reis Tiranos? Qual o papel de Sandre d’Astibar? Essas e outras perguntas ficaram na minha cabeça durante a leitura e algumas surpresas me deixaram de queixo caído ao longo do livro, me deixando ansiosa para saber mais.

O projeto gráfico está perfeito, desde a capa com verniz localizado ao mapa no verso da capa e contra capa com a intensidade das cores. É um livro lindo e fiquei alguns segundos só admirando sua beleza.




Em síntese, tive um pouco de dificuldade no princípio com a narrativa, mais depois de algumas páginas o livro ficou instigante, recomendo demais este livro e estou ansiosa para a continuação.


Por favor, não demorem a lançar!!








13 comentários

  1. Ei Mila,

    Eu não estava pretendendo ler não, mas lendo a resenha fiquei bem curiosa. Isso de ser lento e repetitivo me incomoda, por outro lado adoro historias que emocionam. :)
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Oi, Milla, eu estou querendo ler este livro, porém a minha leitura anda lenta. Gostei de sua resenha e algumas pessoas tb me disseram que ele é parecido com Assassins Crewds. Vou lê-lo qualquer hora. Valeu

    ResponderExcluir
  3. Fiquei empolgada depois de sua resenha. Não esperava que fosse tão denso e cheio de emoção assim. Gosto de temas deste tipo, principalmente por falar de feiticeiros e reis. Acho muito interessante. Vou ver se consigo ler também. Obrigada pela resenha. tirou minhas dúvidas a respeito do livro. Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Essa coisa do descritivo é comum na fantasia né, mas ainda estou ansiosa para ler!

    Paola
    uma-leitora.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Já li algumas resenhas sobre este livro e parece ser mesmo muito bom, com muitas aventuras! Mesmo com você ter dito que a narrativa é muito descritiva e isso se torna meio cansativo, parece ser bem legal! :)
    beijos ♥
    quemprecisadetvparaverbeyonce.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oiee =)
    a capa dessa série me agradam, mas não o porquê, mas nunca tive o interesse de ler, talvez por não ser o gênero que goste. bem se eu ganhar claro que lerei, porém comprar não. rs
    Beliscões da Máh ♥
    Blog
    Twitter

    ResponderExcluir
  7. Se eu soubesse que esse livro era bom assim, teria pedido ele rs.
    Adoro tudo que envolve magia, pra mim é sempre algo surpreendente.
    Adorei a resenha, parabéns!
    Resenha #131 - Enfeitiçadas - As Crônicas das Irmãs Bruxas - Livro 01 - Jessica Spotswood.
    Confere lá!
    Manuscrito de Cabeceira
    Bjs.

    ResponderExcluir
  8. Que legal!!! Ahhh agora deu vontade de ler RSrs
    Bjs
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Nossa Camila, você fez uma resenha super empolgante e sincera! Mesmo eu não curtindo muito esta temática, fiquei curiosa lendo sua resenha amiga. Vle pela dica. Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  10. Mila!
    Gosto de livros com narrativas descritivas e cheias de detalhes, ainda mais quando se trata de um tema do meu interesse como é o caso desse livro. Feitiçaria e bruxaria abrem meu interesse pelo aprendizado.
    Agradeço a visita e comentário feito no blog. Volte sempre!
    Desejo um final de semana de muita paz!
    cheirinhos
    Rudy
    Blog Alegria de Viver e Amar o que é Bom!
    “Ser feliz sem motivo é a mais autêntica forma de felicidade.”(Carlos Drummond de Andrade)

    ResponderExcluir
  11. Olá Mila!
    Confesso que você me despertou um grande interesse com essa resenha!
    Não sei se conseguiria me adaptar ao estilo de leitura... mas quem sabe?
    Ótima resenha!
    Beijos,
    Ana M.
    http://addictiononbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oi! Estou gostando das publicações da editora, trazendo para os amantes da fantasia livros tão interessantes, Tigana pelo visto tem uma ótima história e quero conferir logo, sinceramente não imaginava algo para emocionar.

    Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  13. Oi Mila o/
    Adoreeeeeiii a resenha!
    Sou fascinada por esse tipo de estória e confesso que Tigana – A Lâmina na Alma já está na minha lista de livros ^^
    Obrigada pela visita lá no blog !!! \o/
    Tem resenha nova, se vc puder ir e
    deixar um comentário me deixaria muito feliz =D
    Bjão
    -Rê
    -Fallen In Me

    ResponderExcluir

Ola!
Agradeço pelo comentário!
Beijinhos Carinhosos!