Resenha O Lado Bom da Vida

em 31 de agosto de 2013

O LADO BOM DA VIDA 
Matthew Quick - 254 páginas - Intrínseca

Pat Peoples, um ex-professor na casa dos 30 anos, acaba de sair de uma instituição psiquiátrica. Convencido de que passou apenas alguns meses naquele “lugar ruim”, Pat não se lembra do que o fez ir para lá. O que sabe é que Nikki, sua esposa, quis que ficassem um "tempo separados". Tentando recompor o quebra-cabeças de sua memória, agora repleta de lapsos, ele ainda precisa enfrentar uma realidade que não parece muito promissora. Com seu pai se recusando a falar com ele, a esposa negando-se a aceitar revê-lo e os amigos evitando comentar o que aconteceu antes da internação, Pat, agora viciado em exercícios físicos, está determinado a reorganizar as coisas e reconquistar sua mulher, porque acredita em finais felizes e no lado bom da vida. Uma história comovente e encantadora, de um homem que não desiste da felicidade, do amor e de ter esperança.






A vida de Patrick Peoples não é mais a mesma, antes era professor de história e casado com Nikki, agora, tinha ido parar no lugar ruim. Enquanto estava lá, Pat se aperfeiçoava para sua esposa, perdera bastante peso e estava praticando ser gentil. Ele tinha perdido a memória e não suportava ouvir Kenny G., era sua música explosiva. Na sua primeira semana em casa, seu amigo o convida para jantar em sua casa e assim, conhece Tiffany. Ela era louca assim como ele, talvez até pior.


Pra mim o livro foi somente isso, mesmo. Estava esperando muito do livro e acabei me decepcionando bastante. A narrativa do autor não funcionou pra mim, achei cansativa e desgastante, sem falar no repeteco.

“…A maioria das pessoas perdeu a habilidade de ver o lado bom das coisas, embora a luz por trás das nuvens seja uma prova quase diária de que ele existe.”

Capítulos sem acontecer absolutamente nada ou capítulos falando exatamente o que já tinha acontecido no anterior. Seria muito mais simples se ele tivesse colocado "e assim os dias se passaram" ao invés de ficar retratando a mesma coisa repetidas vezes só para aumentar o número de páginas.

Apesar de ter gostado do enredo da história, achei tudo muito previsível, simplesmente não me surpreendi com o livro em momento algum e também não me senti comovida ou emocionada. Ao contrário da maioria que leu o livro eu não gostei, estava esperando muito mais. Gostei do final mas, não leria o livro novamente. Recomendo a todos que leiam, é uma bonita história de superação.


“Não posso começar a explicar isso, não posso explicar a loucura dentro de mim e dos outros.”

Beijos, Rafa.

Filme Percy Jackson e o Mar de Monstros

em 29 de agosto de 2013














Olá, pessoal!
Eu sou a Silvia, a mais nova colaboradora do blog, alguns de vocês devem me conhecer do blog Pocket Libro. A proposta desta coluna é trazer  aqui as adaptações dos nossos livros favoritos que ganharam vida nas telonas. Espero que gostem dos meus textos postados aqui. 

Hoje, o filme de estreia da coluna é Percy Jackson e o Mar de Monstros.

Percy Jackson e o Mar de Monstros

Nome original:  Percy Jackson : Sea of Monsters
Gênero: Aventura, Fantasia.
Direção: Thor Fredenthal
Roteiro: Larry Karaszewski, Marc Guggenheim, Scott Alexander.
Duração: 106 minutos
Elenco: Alexandra Daddario, Anthony Head, Brandon T. Jackson, Daniel Cudmore, Derek Mears, Douglas Smith, Grey Damon, Jake Abel, Leven Rambin, Logan Lerman, Missi Pyle, Nathan Fillion, Robert Maillet, Sean Bean, Stanley Tucci.

Sinopse

Há alguns anos atrás, quatro crianças meio-sangue fugiam pelas curvas sinuosas da floresta de um monstro terrível a caminho do Acampamento Meio-Sangue; o único lugar seguro para pessoas como eles. Contudo, uma jovem menina chamada Thalia num ato de coragem sacrificou a sua vida pela proteção de seus amigos.
Hoje, Percy Jackson ( Logan Lerman) teve uma ano surpreendentemente calmo, sem lutas eletrizantes com criaturas abomináveis ou alto do tipo. Mas, agora o destino do acampamento está em perigo. A proteção magica do lugar - a árvore de Thalia - foi misteriosamente envenenada e, ao menos que seja curada, todos os semideuses serão mortos.
Então Percy embarca numa jornada épica em busca do poderoso Velocino de Ouro, nas águas místicas do Mar de Monstros (conhecido pelos humanos como o enigmático Triângulo das Bermudas). Caberá a eles encontrar está única fonte da salvação para todos os meio-sangues.
Como todos nós sabemos leitores compulsivos, Percy Jackson é uma série de autoria do Rick Riordan que ganhou vida nas telonas, contudo tenho certa dúvida se o Thor Freudenthal (diretor) e Marc Guggenheim (roteirista) não apreciaram os livros para assim transforma-lo em uma adaptação convincente para os espectadores. Já que o primeiro filme foi decepcionante.
Quando comecei a assistir este longa uma pontada de excitação acendeu dentro de mim, contudo, mais uma vez, os roteiristas optaram em fazer as suas "famosas adaptações". Apesar de não entender está vontade impulsiva de reinventar uma boa história.
O roteiro do mesmo não teve uma atenção necessária para uma elaboração contundente, principalmente em relação a alguns personagens marcantes do livro tal qual: Clarisse a filha de Ares. Ela tem uma personalidade forte e calculista, como no livro, porém muita das vezes achei que ela iria dá uma surra em Percy. Tyson, o meio-irmão de Percy nos é  apresentados já no começo do filme; o que não me agradou, porque deseja ver as cenas na escola de Percy contra os monstros canibais.
Mais todos estes acontecimentos são todos relevantes, se você compara-lo a um detalhe excluído do filme: Por que o Grover não está de vestido de noiva?
Eu queria muito vê-lo de noiva, principalmente o ciclope Polifermo de smoking azul-bebê. Triste. Foi assim que eu senti quando o vi no inicio do filme. Mas nem tudo foi ruim.
Particularmente, gostei muito das três motoristas do táxi do Olimpo .Estas sim podiam ter mais destaque como o Luke que aparece em pouquíssimas cenas no decorrer da trama. 
O que me leva a um coadjuvante encantador. Tyson. Um ciclope muito fofo, que para mim, é o destaque do filme inteiro – é como não ser, aquele olho só me dava certo calafrios – ele é um personagem cativante com um suave toque de humor. Tenho certeza que arrancara muitas risadas calorosas dos espectadores.

Portanto, para os fanáticos da série Percy Jackson e os Olimpianos, espero que não tenha destruído muito as suas expectativas em relação ao mesmo. Mas aqui eu tenho que ser sincera em meu ponto de vista. O filme é muito bom, apesar dos pontos negativos citados acima. Muitos temas abordados no roteiro semeou uma lição esquecida por mim: O filme em questão nunca será igual as paginas magicas do livro.

Beijos!


Inscrição: Gincana Literária 2013

em


Ola meus amores, hoje temos novidades!! Quem gosta de Gincana aí?!



Venho convidar a todos a participarem da Gincana Literária promovida pelo nosso blog em parceria com mais outros 8 Blogs:  Cooltural, Meu Meio Devaneio, Livros com Resenhas, Maluco Por Leituras, Livros vs Séries, Reaprendendo a Arte da Leitura , Livros e Dietas - Projeto Chega de ser Gorda e Louca por Livros.

A Gincana Literária entre Blogs e Leitores, será  nos dias 09/09 à 17/09, ou seja: 9 dias de pura diversão e prêmios diários!!!

O que é a Gincana Literária? Como faço para Participar?

A Gincana Literária é uma competição entre leitores onde terão que realizar desafios, responder a jogos, brincadeiras...  Tudo relacionado ao mundo Literário!


Para participar é preciso:

* Preencher o formulário de Inscrição no final desde Post.
* Publicar esse Post em seu blog junto com o banner da Gincana Literária. Quem não tiver Blog, poderá participar se inscrevendo com o link do seu perfil do FACEBOOK.
* As inscrições estarão abertas até o dia 08/09 (00:00hs)

Muitas surpresas e Prêmios Diários como: Livros, canecas, camisetas, chaveiros e outros!


Os desafios serão propostos por cada blog durante a semana. Então, fiquem ligados nos blogs, pois cada dia, um dos blogs postará um jogo e um desafio valendo prêmios!!!

No Final da Gincana será sorteado o Grande Prêmio de Participação: Um KIT com 9 livros + Brindes surpresa, somente para quem cumprir TODOS os DESAFIOS durante os 9 dias da Gincana!
Tudo isso para apenas 01 pessoa.



Dos prêmios disponibilizados para o Kit "Sorteio Final"

O Oceano no Fim do Caminho (Neil Gaiman) Louca Por Livros
O Silêncio das Montanhas (Khaled  Hosseini ) Meu Meio Devaneio
Perdão, Leonard Peacock ( Mattew Quick) Reaprendendo a Arte da Leitura
Bruxos e Bruxas (James Patterson) Livros com Resenhas
Refém da Obsessão ( Alma Katsu) Cooltural
Blin Ring (Nancy Jo Sales  ) Livros vs Séries
A Garota que eu Quero (Markus Zusak) Maluco por Leituras
O Lado Bom da Vida ( Mattew Quick)  Livros e Dietas - Projeto Chega de ser Gorda
A Garota da Casa Grande - Daily Of books








Trechos de Quarta

em 28 de agosto de 2013


Trechos de Quarta (Teaser Wednesday) #47


Qualquer um pode jogar, basta fazer o seguinte..
Pegue sua atual leitura
Abra uma pagina aleatória
Compartilhe um “trecho” do livro
Compartilhe o título e o autor também...




Cecelia Ahern - 384 páginas 
 Novo Conceito





"- Conte para mim como isso funciona.
- Ele é como o Pinky e eu, o Cérebro. - disse. - Ou sou o pé quebrado e ele é o raio X. - Tentei explicar, mas fiquei confusa. - Ele é o nariz e eu sou Pinóquio - disse e sorri: o último eu tinha explicado direito."



"-Ah, estamos fazendo isso agora? - Ele abriu uma gaveta na mesa do hall e veio para a mesa de jantar com uma pilha de envelopes na mão.
Atirou-os sobre a mesa, pegou um papadum e esmagou-o na boca. - Você pode me fazer um favor, irmã? Pare de ignorar sua vida.
Estes aqui estavam atravancando minha caixa de correio."


O livro é ótimo!!!

Beijos Mila





Um livro, Um Debate

em 27 de agosto de 2013



Quem aí já leu Hex Hall e se apaixonou pela escrita da autora? Embora seja com o tema de Bruxas, este livro foi muito bem escrito e até me surpreendeu em alguns acontecimentos. Nossa e como!

Eu simplesmente devorei o livro em poucos dias e acho que quando isto acontece é simplesmente mágico. O livro te Ganha e vira seu favorito.


Hex Hall Pergunta:


Você acha que este livro faria um grande filme?

Não sei se seria um grande filme, isso depende dos produtores, dos atores escolhidos.
Vemos muitos livros sendo adaptados para o cinema, séries de TV e vemos muitas críticas também, ás vezes essas críticas acabam conosco, amantes dos livros em questão, e às vezes concordamos com elas.
Porém, acho que o que nós queremos mesmo é ver nossos favoritos nas telonas, não importa se será uma grande produção ou não, acho que não temos grandes expectativas, tem que ser bem feito, bem produzido, hoje em dia temos muitas expectativas daqueles investidores, o que acaba por prejudicar o filme.

Então, eu desejo muito um dia ver Hex Hall no cinema, e você?!


O que acha de tudo isso?!






Resenha Gélido

em 26 de agosto de 2013



Gélido 
Tess Gerritsen - 368 páginas - Record 



Quando a médica-legista Maura Isles reencontra um antigo amigo de faculdade durante um congresso, parte em uma viagem com ele e seu grupo. Porém, um acidente com o carro em meio a uma nevasca os leva ao inóspito vilarejo de Kingdom Come, onde algo terrível parece ter ocorrido. Enquanto isso, a detetive Jane Rizzoli recebe a notícia do desaparecimento da amiga e decide investigar seu destino. Assim, enquanto tenta descobrir o que houve com Maura, embrenha-se em uma trama envolvendo uma misteriosa seita e segredos do passado.


Gélido - Rizzoli & Isles Vol.8 - Tess Gerritsen


Primeiro gostaria de dizer em como foi difícil fazer está resenha, o motivo?!

Eu adorei este livro, eu amei conhecer está mulher forte, neste livro conhecemos a Dr. Maura Isles e a Detetive Jane Rizzoli, que aparece pouco, mais o que vi foi o suficiente para ama lá também.

Com personalidades distintas, essas duas mulheres são incomparáveis.


Um livro maravilhoso, viciante, surpreendente e eletrizante.

Estava com dúvidas quanto a este livro e a escrita da autora, portanto fiz pesquisas e perguntei para alguns leitores o quão bom este livro é. Até porque este livro faz parte de uma série intitulada Rizzoli & Isles e como este não é o primeiro da série, eu fiquei em dúvida se teria algum problema começar por este. Bom, não tem problema nenhum, pois cada um tem uma trama diferente.

Fiquei maravilhada com a narrativa da autora, seus personagens muito bem criados, é um livro viciante e cheio de mistérios que ao longo da leitura você vai juntando as peças, mais mesmo assim você acaba por se surpreender algumas vezes.

No inicio conhecemos um povoado que a principio seria um lugar perfeito para se viver, mais que depois percebemos a duras penas que nem tudo é o que parece, assim conquistamos um ódio profundo de Jeremiah Goode, o Profeta.

Dezesseis anos depois, somos apresentados à Maura Isles, médica legista que está passando por um momento difícil, é apaixonada por Daniel, sacerdócio que está em dúvida quanto a largar a igreja para viver seu caso de amor com Maura, embora haja amor, também há duvidas e mágoas.

Maura viaja para um Congresso em Myomoning e reencontra um antigo colega de faculdade, Doug que convida Maura para um passeio junto a sua filha e um casal de amigos, como ela se sente abandonada, magoada com Daniel, aceita pensando que uma pequena aventura nada planejada pode lhe aliviar as tensões, o que ela não esperava é que este passeio iria lhe trazer tragédias, mortes e perigos.

Doug é um cara que gosta de aventuras, bem humorado, está sempre vendo o lado bom, otimista demais, é aquele homem que apesar de passar por provações em que tudo está dando errado, ele ainda diz calma vai tudo dar certo, vamos aproveitar, pois é apenas uma aventura.

"O pior cego é aquele que não quer ver."

É a frase perfeita para Doug, uma pessoa irredutível, que não gosta de ouvir a verdade e não aceita a real situação.

No decorrer da trama, perdemos alguns personagens, conhecemos uma vila assustadora e seus moradores fantasmas, personagens novos são apresentados..
Conhecemos a corrupção, o abuso, conhecemos a persistência de se manter vivo, a sobreviver não importa as circunstancias.

Como este livro é focado em Maura, pouco conheci de Jane, porém deu para perceber a garra e inteligência da detetive que faz de tudo para achar sua amiga desaparecida.

A Narrativa é ótima, a diagramação é simples, com folhas brancas, fonte de tamanho agradável, não foi cansativo apesar das páginas brancas. A Capa é perfeita com a história.



Gélido faz parte da Série Rizzoli & Isles, são 10 livros e também descobri recentemente que temos um seriado, uma adaptação que se eu não me engano passa na TNT. Ainda não vi, mais estou doida para ver, ainda mais depois de ter lido este livro..


Os Livros:

1 O Cirurgião (The Surgeon – 2001)
2 The Apprentice (O Dominador – 2002)
3 The Sinner (O Pecador – 2003)
4 Body Double (Dublê de Corpo – 2004)
5 Vanish (Desaparecidas – 2005)
6 The Mephisto Club (O Clube Mefisto – 2006)
7 The Keepsake (Relíquias – 2008)
8 Ice Cold (2010) – (Gélido - 2013)
9 The Silent Girl (2011) – ainda não lançado em português
10 Last to Die (2012) – Ainda não lançado em português





Obrigada ao Grupo Editorial Record
pelo envio do livro para Resenha



Beijos Mila






Resenha Never Sky: Sob o Céu do Nunca

em 24 de agosto de 2013

Never Sky: Sob o Céu do Nunca
Veronica Rossi - 336 páginas - Prumo
Desde que fora forçada a viver entre os Selvagens, Ária sobreviveu a uma tempestade de Éter, quase teve o pescoço cortado por um canibal, e viu homens sendo trucidados. Mas o pior ainda estava por vir... Banida de seu lar, a cidade encapsulada de Quimera, Ária sabe que suas chances de sobrevivência no mundo além das paredes dos núcleos são ínfimas. Se os canibais não a matarem, as violentas tempestades elétricas certamente o farão. Até mesmo o ar que ela respira pode ser letal. Quando Ária se depara com Perry, o Forasteiro responsável por seu exílio, todos os seus medos são confirmados: ele é um bárbaro violento. É também sua única chance de continuar viva. Perry é um exímio caçador, em um território impiedoso, e vê Ária como uma menina mimada e frágil – tudo o que se poderia esperar de uma Ocupante. Mas ele também precisa da ajuda dela, somente Ária tem a chave de sua redenção. Opostos em praticamente tudo, Ária e Perry precisam tolerar a existência um do outro para alcançar seus objetivos. A aliança pouco provável entre os dois acabará por forjar uma ligação que selará o destino de todos os que vivem sob o céu do nunca.

 

Ária nunca saiu de Quimera, um dos núcleos para ocupação. Quando perde contato com sua mãe, Lumina, ela se vê em uma situação complicada. Soren pode ser a solução, filho do cônsul, possui informações e dados privilegiados e, Ária fará de tudo para ter contato com sua mãe novamente. Quando se encontra com o garoto, em uma parte desativada do núcleo, ele se mostra agressivo. Não tem mais como Ária voltar atrás.

Soren acaba a atacando e se não fosse por um forasteiro, selvagem, a garota poderia ter até morrido. Perry, o selvagem e um grande caçador, não devia estar ali, não devia ter salvo a ocupante e, agora, estava em uma grande encrenca, assim como ela. Agora, os dois terão de unir suas forças por um motivo maior: suas próprias sobrevivências.


NeverSky é um livro que te desperta curiosidade logo pela capa e comigo, não foi diferente. Comecei a ler e não consegui parar, é envolvente e apaixonante. O livro é uma distopia e a narrativa se divide entre Ária e Peregrine(Perry), o que dá uma dinâmica e um ritmo muito legal ao livro.

Amei cada página lida do livro, cada capítulo nos reserva uma nova surpresa que, assim que lido, nos envolve mais e mais com os personagens. Fica impossível não se apaixonar pelos protagonistas, amar e odiar junto a eles. A autora criou um clima pós-apocalíptico incrível, não deixa fios soltos e ainda o enredo não é previsível. 

A Editora Prumo caprichou muito na edição do livro, as folhas são amarelas, a prensagem com uma qualidade incrível e todo começo de capítulo tem arabescos, deixando o livro muito bonito e a leitura muito mais gostosa, sem falar na capa, que não preciso dizer nada a respeito, ela diz por si só, é linda. 


A autora é brasileira mas mora fora do país e fiquei muito feliz ao descobrir isso. Recomendo muito a leitura do livro e aguardo ansiosamente pelo segundo livro da trilogia  

Beijos, Rafa.



Concurso Cultural Bruxos e Bruxas

em 23 de agosto de 2013

Oi meus amores, acho que todos já estão sabendo sobre a nova lei para promoções.
Cada um está falando uma coisa e alguns nem se pronunciam.
Então, irei fazer um Concurso Cultural!

Valendo um exemplar Bruxos e Bruxas, de James Patterson - da editora Novo Conceito, está no ar o primeiro concurso cultural do Daily of Books!




1 - Seguir o Blog Daily of Books;
2 - Ter endereço de Entrega no Brasil;
3 - Comentar no Post com seu nome de seguidor.


A Novo Conceito criou uma linda capa para Bruxos e Bruxas, mais se você pudesse refazer, como faria?!

Então, o que deve ser feito é:

Crie uma nova capa para o livro Bruxos e Bruxas, mande sua arte para o e-mail camilapalm@gmail.com com Assunto: Concurso cultural Bruxos e Bruxas!

Use sua criatividade, pegue imagens na internet e crie sua capa, a mais original leva o Kit do livro


OBS:

  • O ganhador terá dois dias para responder o e-mail que lhe será enviado.
  • Se o ganhador não tiver seguido alguma regra será desclassificado.
  • Não me responsabilizo pelo pagamento de um segundo frete caso o livro retorne por qualquer motivo.
  • Prazo para envio do seu livro terá 30 dias.
  • A promoção inicia hoje, dia 23/08 e termina no dia 05/10.






Novidades Geração Editorial

em 22 de agosto de 2013
Ola meus amores, vamos conhecer um pouco mais dos lançamentos da Geração Editorial?
Então vem comigo...


Lançamentos Geração Editorial



Vou lhe mostrar o medo
Autor:  Nicolaj Frobenius
Tradução: Eliana Sabino
Gênero: Romance
Acabamento: Brochura
Formato:  15,6 x 23 cm
Págs: 296
Peso: 410gr
ISBN: 9788581301099
Selo: Geração
Preço: R$ 39,90
Sinopse

Edgar Allan Poe, o célebre poeta e autor de histórias de terror, bem como criador do gênero policial na literatura, é o protagonista deste romance de suspense psicológico, que discute os limites da criação literária e a responsabilidade moral da arte. Nele vemos o jovem escritor norte-americano afligido pela pobreza, angustiado com a enfermidade da sua frágil esposa e assombrado por um maníaco que comete assassinatos inspirados nos seus escritos, além de sabotado em sua carreira pelo crítico literário Griswold, que lhe dedica um misto de admiração e ódio.Publicado em toda a Europa, traduzido em dez idiomas e plagiado por Hollywood, este romance premiado marca a estreia, no Brasil, de Nikolaj Frobenius, um dos grandes expoentes da moderna literatura norueguesa.


Book Trailer






Dicionário Machista
Autora: Salma Ferraz
Gênero: Humor
Acabamento: Brochura
Formato: 14 x 21 cm
Págs: 176
Peso: 195gr
ISBN: 9788563420367
Preço: R$ 19,90
Selo: Jardim dos livros
Sinopse

Com muito humor e erudição, Salma Ferraz nos traz algumas das mais eloquentes pérolas do machismo, a tradição mais enraizada e irracional da cultura patriarcal, pescadas de quase três milênios de estupidez não só masculina, mas também feminina, sendo as mulheres frequentemente as piores machistas. Se você, seja homem ou mulher, concordar sinceramente com mais de meia dúzia das frases deste livro, pode ter certeza: você é indiscutivelmente machista. Mas não se preocupe: embora grave, essa doença tem cura.





Holocausto brasileiro
Autora: Daniela Arbex
Gênero: Reportagem
Acabamento: Brochura
Formato:  15,6 x 23 cm
Págs: 256 (+caderno de fotos)
Peso: 488gr
ISBN: 9788581301570
Preço: R$ 39,90
Selo: Geração
Sinopse:

Durante décadas, milhares de pacientes foram internados à força, sem diagnóstico de doença mental, num enorme hospício na cidade de Barbacena, em Minas Gerais. Ali foram torturados, violentados e mortos sem que ninguém se importasse com seu destino. Eram apenas epilépticos, alcoólatras, homossexuais, prostitutas, meninas grávidas pelos patrões, mulheres confinadas pelos maridos, moças que haviam perdido a virgindade antes do casamento.

Ninguém ouvia seus gritos. Jornalistas famosos, nos anos 60 e 70, fizeram reportagens denunciando os maus tratos. Nenhum deles — como faz agora Daniela Arbex — conseguiu contar a história completa. O que se praticou no Hospício de Barbacena foi um genocídio, com 60 mil mortes. Um holocausto praticado pelo Estado, com a conivência de médicos, funcionários e da população.



Mais novidades você encontra Aqui

Beijos Mila


Trechos de Quarta

em 21 de agosto de 2013

Trechos de Quarta (Teaser Wednesday) #46


Qualquer um pode jogar, basta fazer o seguinte..
Pegue sua atual leitura
Abra uma pagina aleatória
Compartilhe um “trecho” do livro
Compartilhe o título e o autor também...



Edição: 1

Editora: Galera Record

ISBN: 9788501087140

Ano: 2010

Páginas: 462

Tradutor: Rita Susseking










“Clary sacudiu a cabeça.

- Não pare por aí. Suponho que também existam vampiros, lobisomens e zumbis…
- É claro que existem - informou Jace. - Mas você encontra mais zumbis no sul, onde ficam os padres voudun.
- E as múmias? Elas ficam só pelo Egito?
- Não seja ridícula. Ninguém acredita em múmias.
- Não?
- Claro que não.”





“Você adivinhou? Você deve ter certeza , considerando que você poderia ter me matado. ”
Ele apertou um botão na parede, e o elevador balançou em ação com um gemido de vibração que sentiu todo o caminho até os ossos em seus pés. “Eu estava com noventa por cento de certeza”.
“Eu vejo”, disse Clary.
Deve ter sido algo em sua voz, porque ele se virou para olhar para ela. Sua mão em contato com seu rosto, um tapa que sacudiu-o de volta sobre os calcanhares. Ele colocou a mão na bochecha, mais surpreso do que machucado. “Que diabos foi isso?”
“Os outros dez por cento.”


Bom, eu comecei a ler este livro, porque antes de ver o filme eu gostaria de ler o livro para fazer uma comparação. Meu Deus estou amando este livro!

Beijos Mila



Não virou filme, Mais Quem Sabe...

em 20 de agosto de 2013



Oi meus amores, como boa amante dos livros que sou, sempre quero ver nossos livros favoritos no cinema, então tenho uma lista de alguns livros que poderia vir a ser, e vocês concordam que estes livros podem vir a ser ótimos filmes ou seriados?!


Eu adoraria ver no Cinema:


Hex Hall;

Marcada – House of Night;


Calafrio – Os lobos de Mercy falls;

A descoberta das Bruxas;

Sussurro – Hush, hush (acho que tem direitos comprados, só nos resta esperar..)

Fallen (Já temos previsão, porém não gostei muito dos atores para Daniel e Luce..)



E Vocês, quais livros gostariam que virasse filme?!


Beijos Mila



Resenha Lágrimas de Shiva

em 19 de agosto de 2013


As Lágrimas de Shiva
Cesar Mallorquí - 200 páginas - Editora Biruta

Em certa ocasião, faz muito, muito tempo, eu vi um fantasma. Isto mesmo: um fantasma, uma aparição, um espírito; pode chamar como quiser, o caso é que o vi. O fato ocorreu no mesmo ano em que o homem chegava à Lua. Houve momentos em que tive muito medo como se estivesse vivendo numa novela de terror. Tudo começou com um mistério: o desaparecimento de um objeto muito valioso, perdido durante sete décadas. As Lágrimas de Shiva, assim se chamava o objeto extraviado. Vinganças, amores proibidos e estranhas desaparições, tudo envolvia o misterioso objeto. Havia um fantasma, afirmo, e um segredo muito antigo oculto nas sombras, mas aconteceu bem mais do que poderia imaginar.



Se fosse para definir este livro em uma frase, eu diria: Uma Grande Surpresa, mais claro que eu já sabia que o livro seria muito bom, pois quando li a Resenha da minha amiga Carissa, eu desejei ler o livro e pedi para entrar no Book tour.

Nosso protagonista é Javier, vive com sua mãe e irmão, o pai está muito doente e por isso está internado, porém ele está melhorando e vai voltar para casa, acontece que há risco de contágio e eles precisam passar uma temporada na casa dos tios.

Javier foi escolhido para ir para casa da tia Adela, onde sua melhor aventura vai começar. Lá conhece as primas Rosa, Margarida, Violeta e Açucena, cada uma com uma personalidade diferente, uma casa “governada” por mulheres e pouco a pouco ele vai aprendendo a conviver com elas e seu tio. Descobre a história dos antepassados da família Obregón e ainda vê um fantasma.

Confesso que quando o fantasma apareceu à primeira vez, eu fiquei com um pouco de medo e fiquei receosa de ler a noite, medo de ter pesadelos. RS Mais depois os acontecimentos se suavizaram, percebi que Beatriz Òbregon só queria a ajuda de Javier e que irá até um fantasma bom.

Uma leitura leve, misteriosa, agradável e muito gostosa de ler e quando você vê a narrativa te ganha e você quer descobrir o mistério que envolve a família Óbregon. Aos poucos você se torna um pouquinho detetive e quer descobrir o mistério das Lágrimas de Shiva.

O que mais gostei da história é que a cada momento eu me surpreendia. Um livro imprevisível e cheio de surpresas.

Beijos Mila


Resenha Especial "O Projeto Rosie"

em 16 de agosto de 2013


O Projeto Rosie 
Graeme Simsion - 320 páginas - Record 


Para se ter a vida de Don Tillman, não é preciso muito esforço. Às terças-feiras come-se lagosta com salada de wasabi (seguindo um roteiro com refeições padronizadas que evitam o desperdício de ingredientes e de tempo no preparo); todos os compromissos são executados de acordo com o cronograma – alguns minutos reservados para a prática do aikido e do caratê antes de dormir; uma hora para limpar o banheiro; três dias da semana reservados para suas idas à feira – e se, apesar dessa programação, algum desagradável contratempo surgir em sua rotina, não há nada que não possa ser solucionado com meia hora de pesquisa científica.

Exceto as mulheres.

Até o momento, a única coisa não esclarecida pelos estudos no campo de atuação de Don, a genética, é o motivo para sua incapacidade de arrumar uma esposa. Uma namorada ao menos? Ou até mesmo uma amiga para somar ao seleto grupo de amigos de Don, formado por Gene, também professor na universidade, e a mulher dele, Claudia, psicóloga e esposa muito compreensiva.

Para solucionar esse problema do modo mais eficaz, Don desenvolve o Projeto Esposa, um questionário meticuloso que irá ajudá-lo a filtrar candidatas inadequadas a seu estilo de vida: fumantes JAMAIS, e mulheres que se atrasam por mais de cinco minutos ou que usam muita maquiagem estão fora dos critérios pouco flexíveis que o levarão à mulher ideal.

O único problema é que um questionário desse tipo exige tempo e dedicação, duas coisas que começaram a diminuir exponencialmente no cotidiano de Don desde que ele conheceu Rosie: fumante, vegetariana e incapaz de chegar na hora marcada. Ou esse era o único problema até Rosie entrar na vida de Don e – despretensiosamente, uma vez que ela nunca se candidatou ao Projeto Esposa – mostrá-lo que a mulher ideal não existe, mas o amor, sim.





Comecei a ler este livro por curiosidade, gosto de livros narrados por homens, ver a perspectiva por outros olhos, este livro faz parte do gênero “Lad-Lit” que nada mais é do que um Chick-lit, só que narrado por um homem.

Don Tillman tem poucos amigos e sua vida social não é muito badalada.  Na verdade ele tem apenas dois amigos, pois os outros dois já estão mortos. Ele não é de meias palavras, muito sincero e verdadeiro.

É uma pessoa diferente, muito mesmo, um cara com seus 39 anos, solteiro, boas condições financeiras, em boa forma, inteligente, ou seja, ótimas qualidades não é mesmo? Mais então, qual seria o problema do professor Tillman afinal, porque ele não consegue uma namorada?


“— Don, você daria um marido maravilhoso.

Isso era tão contrário às minhas experiências de rejeição entre as mulheres que fiquei sem fala por algum tempo. Depois, apresentei-lhe os fatos — toda a história de minhas tentativas de encontrar uma companheira. Comecei pela minha crença, quando menino, de que me casaria quando crescesse e terminei com a desistência dessa ideia quando ficou evidente que eu não era adequado.”

Don foi convidado pelo seu amigo Gene para realizar uma palestra de Síndrome de Asperger, e é por esta palestra que Don tem a ideia de montar seu projeto Esposa, onde monta um questionário para selecionar a esposa ideal, mais seus planos não vão nada bem.


Rosie entra em sua vida para dar uma reviravolta em todos os seus planos, ela precisa de sua ajuda e como Don é muito prestativo, concorda em ajudá-la, mais Rosie é o oposto de Don, não é nem um pouco compatível, só que os opostos se atraem não é mesmo?
Quem não conhece está frase..

A esposa perfeita tem que ser pontual, não fumante, bebida alcoólica jamais, fanática religiosa não, não pode ser vegetariana, o que você pensa sobre sorvete? Há, tem que ser inteligente, é muita coisa, tanto é que o questionário que ele cria tem 16 páginas, eu teria desistido dele na primeira. (Na verdade eu não passei no teste.)

E se você está curiosa com o questionário, a Editora Record em sua página no Face, disponibilizou para que nós leitores o façamos, afinal quem não esta curioso para saber se é compatível ou não com Don. Veja o Questionário Aqui.

Meu sentimento ao ler o livro foi surpresa e conhecimento, pois fiquei de queixo caído algumas vezes ao ver como é a vida de Don, o cara é inteligente demais, também ele é geneticista e adora pesquisas científicas, ele é super controlado com seus horários, sendo tudo cronometrado. Seu lema é ser pontual, eu adoro pessoas pontuais, porque sou uma delas. Mais tem algumas pessoas que não se importam com isso. Mais como diz Claudia esposa de Gene, quem não se atrasa pelo menos uma vez?

O livro não é meu favorito, mais gostei bastante de conhecer Don, suas manias e me diverti durantes essas 320 páginas, além de conhecer sobre a Síndrome de Aspeger, que eu simplesmente desconhecia até ler este livro, afinal Don não é apenas um professor geneticista super nerd, ele é mais que isso, e creio eu que vocês irão amar conhecê-lo.

A diagramação do livro é linda e com muito capricho, com uma narrativa mediana, não muito rápida mais também não foi lenta.

“Gene e Claudia tentaram por algum tempo me ajudar com o Problema Esposa. Infelizmente, a abordagem deles se baseava no tradicional paradigma do namoro, que eu já havia abandonado baseando-me no fato de que as probabilidades de sucesso não justificavam o esforço e as experiências negativas. Tenho trinta e nove anos, sou alto, estou em forma e sou inteligente; tenho um status relativamente elevado e uma renda acima da média como professor associado. Segundo a lógica, eu deveria atrair uma ampla variedade de mulheres.”


Se você quer saber mais sobre “Lad-lit”, entre no blog Cultivando a Leitura, foi lá que descobri o que é o “Lad-lit e o Dude-lit”.


Obrigada ao Grupo Editorial Record 
pelo envio do livro



Beijos Mila