Resenha Never Sky: Sob o Céu do Nunca

em 24 de agosto de 2013

Never Sky: Sob o Céu do Nunca
Veronica Rossi - 336 páginas - Prumo
Desde que fora forçada a viver entre os Selvagens, Ária sobreviveu a uma tempestade de Éter, quase teve o pescoço cortado por um canibal, e viu homens sendo trucidados. Mas o pior ainda estava por vir... Banida de seu lar, a cidade encapsulada de Quimera, Ária sabe que suas chances de sobrevivência no mundo além das paredes dos núcleos são ínfimas. Se os canibais não a matarem, as violentas tempestades elétricas certamente o farão. Até mesmo o ar que ela respira pode ser letal. Quando Ária se depara com Perry, o Forasteiro responsável por seu exílio, todos os seus medos são confirmados: ele é um bárbaro violento. É também sua única chance de continuar viva. Perry é um exímio caçador, em um território impiedoso, e vê Ária como uma menina mimada e frágil – tudo o que se poderia esperar de uma Ocupante. Mas ele também precisa da ajuda dela, somente Ária tem a chave de sua redenção. Opostos em praticamente tudo, Ária e Perry precisam tolerar a existência um do outro para alcançar seus objetivos. A aliança pouco provável entre os dois acabará por forjar uma ligação que selará o destino de todos os que vivem sob o céu do nunca.

 

Ária nunca saiu de Quimera, um dos núcleos para ocupação. Quando perde contato com sua mãe, Lumina, ela se vê em uma situação complicada. Soren pode ser a solução, filho do cônsul, possui informações e dados privilegiados e, Ária fará de tudo para ter contato com sua mãe novamente. Quando se encontra com o garoto, em uma parte desativada do núcleo, ele se mostra agressivo. Não tem mais como Ária voltar atrás.

Soren acaba a atacando e se não fosse por um forasteiro, selvagem, a garota poderia ter até morrido. Perry, o selvagem e um grande caçador, não devia estar ali, não devia ter salvo a ocupante e, agora, estava em uma grande encrenca, assim como ela. Agora, os dois terão de unir suas forças por um motivo maior: suas próprias sobrevivências.


NeverSky é um livro que te desperta curiosidade logo pela capa e comigo, não foi diferente. Comecei a ler e não consegui parar, é envolvente e apaixonante. O livro é uma distopia e a narrativa se divide entre Ária e Peregrine(Perry), o que dá uma dinâmica e um ritmo muito legal ao livro.

Amei cada página lida do livro, cada capítulo nos reserva uma nova surpresa que, assim que lido, nos envolve mais e mais com os personagens. Fica impossível não se apaixonar pelos protagonistas, amar e odiar junto a eles. A autora criou um clima pós-apocalíptico incrível, não deixa fios soltos e ainda o enredo não é previsível. 

A Editora Prumo caprichou muito na edição do livro, as folhas são amarelas, a prensagem com uma qualidade incrível e todo começo de capítulo tem arabescos, deixando o livro muito bonito e a leitura muito mais gostosa, sem falar na capa, que não preciso dizer nada a respeito, ela diz por si só, é linda. 


A autora é brasileira mas mora fora do país e fiquei muito feliz ao descobrir isso. Recomendo muito a leitura do livro e aguardo ansiosamente pelo segundo livro da trilogia  

Beijos, Rafa.



6 comentários

  1. Oi! ^^
    Não conhecia esse livro! A história parece interessante! A única coisa que me desanima é por ser uma trilogia, mas pelo menos não á uma daquelas séries com mais de 10 livros. Isso já ajuda!

    Beijusss;
    http://hipercriativa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Não conhecia o livro! Gostei da sua resenha, me fez ficar interessada pelo livro ^^

    Nao gosto muito de livros com continuações porque geralmente demoro pra comprar o segundo volume, isso desanima ^^

    ResponderExcluir
  3. Oi mila, Oi rafa...
    Esse livro é um dos meus desejados desde sempre...hehee
    Acho que também vou adorar!!! Adorei a resenha

    Beijão

    Tela
    Penseira Literaria

    ResponderExcluir
  4. Oi Mila, amei sua resenha.
    Ainda não tinha ouvido nada sobre o livro e nem a autora. Dica mais que anotada. Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  5. Rafa, parabéns pela sua resenha.
    E ao contrário das outras meninas, sou louca por continuações. rsrsrs
    Está muito bacana e me atiçou a vontade de ler esse livro.
    bjs

    ResponderExcluir
  6. Esse livro me chama muita atenção, tenho vontade de lê-lo.
    Quando puder comprá-lo te digo aqui o que achei da leitura, se terei as mesmas impressões que você teve e nos contou nessa bela resenha.
    Beijos
    Viviane
    Razão e Resenhas

    ResponderExcluir

Ola!
Agradeço pelo comentário!
Beijinhos Carinhosos!